Praça de Maio: lugar de memória ou memórias vivas?

  • Rayssa Maria Pereira Araújo

Resumo

Este artigo vem propor algumas problemáticas em relação à famosa Praça de Maio argentina visando à reflexão acerca das várias questões existentes neste mesmo local, tendo como foco principal a presença das madres e abuelas desde o período da ditadura militar (1976-1983) até os dias atuais e as outras memórias ali existentes em uma relação conflituosa para trabalhar o que seria este lugar de “memórias” e a memória viva ali presente.

Palavras-chave: Lugar de memória; Praça de Maio; Memória-vida.

Edição
Seção
Artigos