A sociedade e o poder segundo Adorno

  • João Capistrano Filho

Resumo

RESUMO: O presente trabalho tem como objetivo mostrar o quanto é necessário o sujeito reflexionar a realidade para combater a identidade do poder que domina a sociedade. Outro enfoque se relaciona a necessidade de se fazer um mergulho, no plano dialético, para desconstruir a linguagem fabricada pela indústria cultural. É abordada a importância da autonomia como instrumento de reflexão para negar os conceitos tidos como verdade absoluta pelo princípio da dominação para jogar o poder da sociedade contra a natureza e o próprio homem. PALAVRAS-CHAVE: Autonomia; Identidade; Poder; Sociedade.

Biografia do Autor

João Capistrano Filho
Mestre em Filosofia e doutorando em Educação Brasileira pela Universidade Federal do Ceará. Professor de Filosofia da Rede Esta-dual de Ensino do Estado Ceará.
Publicado
2011-01-01
Edição
Seção
Artigos