ANÁLISE DA VARIABILIDADE DO NÍVEL DA ÁGUA NA COSTA DE FORTALEZA, CEARÁ

  • Carlos Augusto F. Schettini Universidade Federal de Pernambuco
  • Luís P. Maia Instituto de Ciências do Mar - Universidade Federal do Ceará
  • Eliane C. Truccolo Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Palavras-chave: nível do mar, marés, ondas, probabilidade conjunta.

Resumo

O presente trabalho analisa a variabilidade do nível da água na costa de Fortaleza, CE, através de registros do ní- vel da água e de ondas. O objetivo é avaliar estatisticamente as ocorrências de níveis positivos, acima do nível de referência de baixa mar de sizígia de solstício, e os efeitos de ondas que produzem anomalias negativas. As implicações dos resultados são relevantes para as operações portuárias locais. Dados de nível de água foram obtidos a partir do marégrafo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) instalado no píer do Porto do Mucuripe. Dados de altura máxima de onda foram obtidos a partir de observações realizadas ao largo do Porto do Pecém e disponibilizados pelo Instituto Nacional de Pesquisas Hidroviárias (INPH). Funções de densidade de probabilidade (FDP) foram determinadas para ondas e nível da água. A partir da FDP de nível de água foi calculado o número de horas por ano que o nível está acima do nível zero. Foi realizada a convolução das FDPs para obter a FDP conjunta, empregando a amplitude de onda negativa. Foi observado que níveis abaixo do nível zero ocorrem em menos de 0,5% do tempo, o que para um ano representa cerca de 15 dias. Palavras-chaves: nível do mar, marés, ondas, probabilidade conjunta.

Biografia do Autor

Carlos Augusto F. Schettini, Universidade Federal de Pernambuco
Departamenmto de Oceanografia
Eliane C. Truccolo, Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Programa de Pós-Graduação em Geociências
Publicado
2011-05-01
Seção
Artigos originais