Predation by young Cassis tuberosa (Mollusca: Gastropoda: Cassidae) on Lytechinus variegatus (Echinodermata: Echinoidea), under laboratory conditions

  • Ana Paula Leite Cavalcante Pequeno Departamento de Biologia, Instituto de Ciências do Mar (LABOMAR), Universidade Federal do Ceará (UFC)
  • Helena Matthews Cascon Departamento de Biologia, Instituto de Ciências do Mar (LABOMAR), Universidade Federal do Ceará (UFC)
Palavras-chave: predação, Cassis tuberosa, Lythechinus. variegatus.

Resumo

Nesse trabalho foi analisado o comportamento predatório de indivíduos jovens de Cassis tuberosa sobre o ouriçodo-mar, Lythechinus. variegatus por meio de observações realizadas na Praia de Redonda, Icapuí – Ceará. Os predadores e as presas foram coletados na faixa entre marés e levados para o laboratório. Cada indivíduo jovem de C. tuberosa jovem foi colocado com um Lythechinus variegatus em um aquário de 50 litros. Durante o experimento o número de presas consumidas foi registrado e os indivíduos predados eram repostos. Este experimento durou um mês e foi replicado dez vezes sob temperatura de 26-28 o C e salinidade de 35. Foram registradas a posição e as dimensões dos orifícios causados pela predação de C. tuberosa sobre L. variegatus. Os orifícios mediam de 4 a 5 mm de diâmetro e tinham marcas da rádula em suas bordas. Foi encontrada, em cada presa, uma mancha escura ao redor do orifício, provavelmente devido à reação no carbonato de cálcio da carapaça da presa ao ácido sulfúrico do predador. Não foi observada estatisticamente preferência na predação entre o lado aboral e o oral da presa. O mecanismo de defesa da presa observado foi baseado em estratégias de fuga.
Publicado
2010-11-01
Seção
Artigos originais