DIVERSIDADE DE RAIAS DE ÁGUA DOCE (Chondrichthyes : Potamotrygonidae) NO ESTUÁRIO AMAZÔNICO

  • Maurício Pinto de Almeida Programa de Pós-Graduação em Zoologia. Convênio Universidade Federal do Pará (UFPA) / Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG). Belém - PA - Brasil
  • Ronaldo Borges Barthem PR-MCT / Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG). Depto de Zoologia/ Ictiologia. Belém-PA- Brasil
  • Anderson da Silva Viana Universidade Federal do Pará (UFPA/ICEN). Belém - PA - Brasil
  • Patrícia Charvet Almeida Pesquisadora Colaboradora, Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG). Curitiba - PR - Brasil.
Palavras-chave: Palavras-chaves, raias de água doce, Potamotrygonidae, distribuição geográfica, estuário amazônico.

Resumo

Um levantamento sobre registros de ocorrência de raias de água doce (Potamotrygonidae) no estuário amazônico foi realizado utilizando-se dados  bibliográficos, informações de coleções científicas disponíveis on-line e amostragens de campo. Os resultados indicaram a presença de oito espécies nominais: Plesiotrygon iwamae, Paratrygon aiereba,Potamotrygon humerosa, Potamotrygon motoro, Potamotrygon cf. ocellata, Potamotrygon orbignyi,Potamotrygon scobina e Potamotrygon aff. hystrix. Apenas cinco destas espécies são atualmente consideradas cientificamente válidas.  Adicionalmente a estas, foram identificadas ao menos mais duas espécies e um gênero novo queno momento estão em processo de descrição. O número de espécies ocorrentes no estuário  amazônico ainda é incerto, podendo variar de cinco a dez dependendo dos avanços e revisões sistemáticos que venham a ser realizados neste grupo de elasmobrânquios.
Publicado
2008-11-01
Seção
Artigos originais