RELATO DE EXPERIÊNCIA DA BOLSA PID

  • Bruno de Carvalho S
  • David S. Oliveira

Resumo

Ajudar os alunos de Fundamentos de Programação(FUP) para que o índice de aprendizado e aprovação aumente e um desafio que enfrentamos e tem mostrado uma evolução com o auxílio das medidas interventivas pensadas pelos monitores juntamente com os professores. Medidas essas tais como: Teste de nivelamento: Um teste e aplicado quinzenalmente em todas as turmas de FUP para acompanhar a evolução dos alunos, principalmente identificar quais estão com maiores dificuldades, para que seja possível um acompanhamento mais próximo desses alunos. Almoço com código: Encontro diário onde os alunos podem ir e tirar suas duvidas, resolver questões com a ajuda dos monitores. Auxílio ao professor em sala de aula: Como as turmas de FUP geralmente são lotadas, apenas o professor não consegue dar conta de ao mesmo tempo dar aula e resolver os problemas que os alunos estão tendo em seus algoritmos, então com o auxílio dos monitores em sala de aula isso se torna mais dinâmico. Uma vez que muitos alunos chegam na universidade sem experiências previas com programação, a disciplina de FUP se propõe a ensinar o pensar logico, abstrair problemas, e construção de soluções usando lógica de programação. Essas habilidades so se aprendem com a pratica de muitos ex- exercícios e não somente ouvindo o professor falar. Uma coisa muito comum e o aluno se sentir desmotivado logo no inicio, seja por não conseguir abstrair os problemas, seja por não saber empregar os conte ˜ udos aprendidos em sala para a resolução dos problemas ou por se comparar com seus colegas. Se ele se abate e para de estudar, o conteúdo se acumula e o problema se torna muito maior. Na sala de aula e comum que um aluno sinta uma ´ duvida e não pergunte ao professor por vergonha. Um dos maiores desafios como monitor ˜ e conseguir fazer com que o aluno se sinta confortável o suficiente em nos pedir ajuda. Por isso se faz necessário que principalmente no início haja uma relação muito próxima do monitor com os alunos para que assim possamos nos aproximar e mostrar que estamos ali para ajudar. Um outro desafio e conseguir fazer com que eles compareçam a monitoria afim de tirar suas dúvidas e praticar mais exercícios, que no final das contas será o fator chave para o aprendizado do aluno. Particularmente costumo construir uma relação de amizade com a turma em geral que monitoro, com isso fica mais fácil saber o feedback da turma para com o professor e acabar dando esse feedback aos professores. Uma medida extra que costumo adotar e a de ”aulões pré-provas”, onde acabo reunindo a turma em um horário no contra turno da aula e explicando todo o conteúdo da prova passo-a- passo desde o inicio, através de uma linguagem e relação informal com os participantes e percebo que ajuda demais a quem participa delas. A experiência como bolsista do PID - Monitoria integrada de programação e algo fantástico, pois a sensação de conseguir ajudar ˜ uma pessoa com duvida é algo maravilhoso, e além disso, ganhei vários e bons amigos, ou seja me ajudou também nas minhas relações sociais. Por fim esse projeto aflorou em mim a vontade de seguir na academia ao termino da graduação.
Publicado
2015-09-09
Seção
Encontros Universitários 2018 - Campus Quixadá