ANÁLISE DAS INFECÇÕES DE CORRENTE SANGUÍNEA EM PACIENTES RENAIS CRÔNICOS EM USO DE CATETER VENOSO CENTRAL EM HEMODIÁLISE EM UM HOSPITAL DE ENSINO EM SOBRAL, CE

  • Bruna Linhares Prado
  • PAULO ROBERTO SANTOS
  • Camila Gomes Virginio Coelho

Resumo

A Doença renal crônica (DRC) é um problema de saúde pública mundial, nos Estados Unidos a doença está entre as dez principais causas de mortalidade precoce. No Brasil, a estimativa da taxa de prevalência e de incidência de Insuficiência Renal Crônica em diálise no ano de 2017 foi de 610 pacientes por milhão da população (ppm) e 193 ppm, respectivamente. Nos estágios mais avançados da DRC surge a necessidade de tratamentos onerosos, como hemodiálise e o transplante renal. Durante o curso da doença, os pacientes podem ser acometidos por infecções primárias de corrente sanguínea (ICS). No Brasil, são registrados 40% de mortalidade entre pacientes com ICS. Quando se trata de pacientes com DRC, a ICS é a segunda causa de morte, representando aproximadamente 14% de óbitos. O objetivo da presente pesquisa é analisar as infecções de corrente sanguínea em pacientes renais crônicos em uso de cateter venoso central em hemodiálise em um hospital de ensino em Sobral, CE. A coleta de dados acontecerá na unidade de hemodiálise no hospital Santa Casa de Misericórdia de Sobral no período novembro de 2019 a janeiro de 2020. Esta será realizada a partir da cultura de ponta de cateter e hemocultura dos pacientes da unidade de hemodiálise. Os resultados de culturas positivas serão obtidos a partir do sistema de diagnóstico automatizado Vitek 2® (bioMérieux). Serão coletadas informações a partir do prontuário dos pacientes a fim de se traçar um perfil epidemiológico desses casos positivos. Estima-se que esse trabalho auxilie a taxa de incidência de infecções relacionadas ao cateter venoso central, posteriormente identificando os possíveis fatores de risco para o desenvolvimento destas. Contribuindo para o controle dessas infecções e medidas de prevenção em unidades de diálise, assim como a realização de novos estudos para o aprofundamento do conhecimento na área.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Pesquisa e Pós-Graduação – PRPPG