EFEITO DO GEL TÓPICO DO DERIVADO SEMISSINTÉTICO 6, 7- DIMETOX-3- NITROCUMARINA DO CERNE DE PLATYMISCIUM FLORIBUNDUM VOG NA PERDA ÓSSEA ALVEOLAR DA PERIODONTITE EXPERIMENTAL E O ENVOLVIMENTO DA VIA WNT Β-CATENINA

  • Luzia Herminia Teixeira de Sousa
  • Mirna Marques Bezerra, Paula goes pinheiro dutra, Jordânia Marques de Oliveira freire, Pedro Ivo Caetano Abreu Freire
  • Hellíada Vasconcelos Chaves

Resumo

A periodontite é processo imune-inflamatório que acomete os tecidos de proteção e sustentação dos dentes, apresentando intenso infiltrado inflamatório e importante reabsorção óssea. A sinalização WNT/β-catenina direciona a expressão de genes para a proliferação, diferenciação e maturação de células do metabolismo ósseo. Os tratamentos periodontais convencionais podem não ter os resultados esperados, nesse contexto, destaca-se a Platymiscium floribundum Vog e seu derivado 6,7-Dimetoxi-3- Nitrocumarina (DN). Este estudo se propõe a investigar a eficácia da aplicação local do composto DN, em forma de gel tópico, na prevenção e no tratamento na perda óssea alveolar (POA) em camundongos e o envolvimento da via WNT/ β-catenina. Para indução da periodontite experimental (PE), os animais serão anestesiados e receberão uma ligadura estéril de poliacrilamida ao redor dos segundos molares superiores. Para o estudo do efeito do pré-tratamento (Grupos experimentais DN1), DN será administrado por via tópica em duas concentrações 1h após o procedimento sham e diariamente por 11 dias, quando serão eutanasiados. Para o estudo do efeito terapêutico (Grupos experimentais DN2), DN será administrado por via tópica em duas concentrações, diariamente, até o 11º dia da PE, quando serão eutanasiados. As maxilas serão removidas para análises da POA; Análise do colágeno; Análise do processo inflamatório e da expressão de componentes da via WNT/ β-catenina. A análise estatística (p<0,05) será realizada por Análise de Variância (ANOVA), seguido pelo teste de comparações múltiplas de Bonferroni. Os resultados serão expressos como média±E.P.M. Os resultados deste estudo irão permitir novas abordagens terapêuticas no tratamento da periodontite e outras doenças inflamatórias ósseas.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Pesquisa e Pós-Graduação – PRPPG