DETERMINANTES DA RENDA NA REGIÃO NORDESTE EM 2014

  • Laríssia Vitória Marcelino Lopes
  • Denilson Oliveira da Silva, Francisco Wellington Gomes de Vasconcelos, Marleton Souza Braz, Ana Clara Carvalho Pereira
  • Francisca Zilania Mariano

Resumo

O presente trabalho dispõe sobre a análise dos fatores que influenciaram a renda dos nordestinos na faixa etária entre os 18 aos 60 anos de idade no ano de 2014. Para atingir seus objetivos esse trabalho utilizou na metodologia os microdados da pesquisa nacional por amostra de domicílios (PNAD) do ano de 2014, sendo estes retirados do website do instituto brasileiro de geografia e estatística (IBGE) e pesquisas em fontes bibliográficas tais como livros, jornais e websites para obter embasamento teórico. Além disso, elaborou-se um modelo econométrico do tipo semilogarítmico (log-lin) para relacionar a renda mensal das pessoas entrevistadas com as variáveis influenciadoras desse fenômeno (sexo, idade, raça, anos de estudo, horas trabalhadas por semana e horas dedicadas a afazeres domésticos). Ao analisar os resultados constatou-se que a renda média dos nordestinos nesta faixa etária é de aproximadamente R$1.066,072(mil e sessenta e seis reais e sete centavos), trabalhando em média 38 horas por semana, dedicando em torno de 16 horas por semana para afazeres domésticos e tendo cerca de 9 anos de estudos. Vale ressaltar que com os resultados desse artigo é possível verificar a presença do preconceito no mercado de trabalho, refletido no fato de as mulheres receberem salários menores que os homens, além da má distribuição de renda entre a população nordestina, causado por diversos fatores como a desigualdade social, falta de acesso à educação básica por parte de famílias pobres e a ausência de oportunidades no mercado de trabalho formal. O que nos leva a perceber a importância do Governo para a sociedade, na provisão de bens e serviços cujos quais, são necessários para que todos esses problemas que geram distorções na renda sejam minimizados.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Iniciação à Docência – PROGRAD