EVOLUÇÃO DOS ÍNDICES DE POBREZA E DESIGUALDADE: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA

  • Luan Mateus Cavalcante do Nascimento
  • Jackson do Nascimento Lopes
  • Georgeana Amaral Maciel da Silveira

Resumo

É de conhecimento comum que o mundo, por meio da evolução humana e do desenvolvimento tecnológico, tem ficado mais rico ao longo dos séculos. Entretanto, o crescimento não raro se distribui de forma pouco igualitária, gerando desigualdade e os problemas dela advindos. O presente trabalho objetiva apresentar a evolução observada nos índices de pobreza e desigualdade ao longo do tempo, no mundo, deixando clara a distinção entre os referidos indicadores que, muitas vezes, são confundidos. Nesse sentido, é importante ressaltar que há países ricos e desiguais, e países pobres e igualitários, de modo que essas medidas não estão necessariamente correlacionadas. Isto é: crescimento não resolve o problema da desigualdade, e vice-versa. Sendo assim, os países devem buscar a melhora contínua de ambos os indicadores, e a sociedade, como um todo, deve estar aberta a todos os mecanismos que promovam o crescimento econômico, mas com peso especial para o crescimento pró-pobre. No intuito de apresentar dados e a teoria estabelecida sobre pobreza e desigualdade, a metodologia deste trabalho consiste na revisão sistemática da literatura disponível em cada um desses temas, bem como na apresentação de dados descritivos, coletados em fontes oficiais. Assim, será possível avaliar o comportamento das variáveis e índices escolhidos, acompanhando seu desenvolvimento ao longo dos anos para distintos países, e as características dos processos de crescimento econômico sob as perspectivas qualitativa e quantitativa.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Iniciação à Docência – PROGRAD