MONITORIA EM PSICOLOGIA E SAÚDE PÚBLICA/COLETIVA: FORTALECENDO A INTERPROFISSIONALIDADE EM SAÚDE

  • Ana Alice Pereira
  • Paulo Henrique Dias Quinderé, André Sousa Rocha
  • Camilla Araujo Lopes Vieira

Resumo

Este trabalho se trata de um relato de experiência das atividades de monitoria realizadas no ano de 2019 da área de Saúde Coletiva e Psicologia em que os docentes trabalham colaborativamente visando a integração entre as disciplinas. O projeto tem como título “Monitoria em Psicologia e Saúde Pública/Coletiva: fortalecendo a interprofissionalidade em saúde” e concentra sete disciplinas no decorrer de dois semestres. O eixo de Psicologia e Saúde possibilita aos estudantes uma aproximação com o SUS e propõe o debate de temáticas para além da psicologia, pensando a interdisciplinaridade e a prática colaborativa em saúde. Nesse processo, a monitoria se destaca por não se restringir a uma só disciplina, mas ao setor de Saúde como um todo, o que proporciona ao estudante monitor a possibilidade de transitar entre disciplinas e o aproxima da docência ao atuar como protagonista em vários espaços. Entre as disciplinas pertencentes ao setor duas são mais introdutórias, trabalham o SUS e a atuação da psicologia nas políticas públicas de saúde. Além disso, ocorrem discussões em saúde coletiva e comunitária de maneira que o debate ultrapassa os muros da universidade com desenvolvimento de ações em serviços e territórios do município de Sobral. Nas disciplinas componentes é possível ver uma forte articulação com o campo, sendo importante para que os estudantes se reconheçam nesses espaços e percebam a articulação entre teoria e prática. A monitoria como atividade pedagógica se configura como instrumento de fortalecimento do exercício da docência aos estudantes monitores ainda na graduação, ao convocá-los para a responsabilidade sobre o processo de ensino-aprendizagem dos demais discentes.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Iniciação à Docência – PROGRAD