O USO DO PSPP EM PESQUISA QUANTITATIVA EM PSICOLOGIA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA DE MONITORIA

  • Esthela Sá Cunha
  • NULL
  • Francisco Pablo Huascar Aragão Pinheiro

Resumo

O PSPP (Perfect Statistics Professionally Presented) é um software estatístico livre produzido para a elaboração de análises de dados amostrais (Boaventura, 2010). Utilizado principalmente pelas ciências sociais, o programa é uma importante e potente ferramenta para pesquisas quantitativas também em psicologia, uma vez que auxiliam o pesquisador a verificar estatisticamente o efeito entre os fenômenos os quais pretende inferir relações. O presente trabalho trata-se de um relato de experiência de monitoria realizado junto à disciplina de Métodos e Técnicas de Pesquisa Quantitativa em Psicologia do curso de Psicologia da Universidade Federal do Ceará – Campus Sobral; no período de março a junho de 2019, no qual foram realizadas monitorias expositivas dialogadas, uso de slides didáticos, auxílio pedagógico ao professor e desenvolvimento de materiais para aplicar em sala de aula. A estatística, num primeiro contato, enquanto método de análise de dados pode gerar receio entre muitos estudantes de psicologia, uma vez que seus conceitos envolvem a compreensão de fórmulas matemáticas, por vezes, complexas. Entretanto, o uso de softwares em pesquisa quantitativa possibilita aos estudantes uma forma mais simplificada e didática de mensurar relações de efeito entre os fenômenos estudados, além de oferecer uma compreensão mais ampla dos modos de investigação científica que, sem dúvida, é imprescindível à formação acadêmica e profissional do pesquisador. Nesse sentido, o programa de monitoria em disciplina de graduação que se faz uso desses programas é importante na assistência aos discentes na medida em que fornece apoio didático-pedagógico. Além de facilitar a aprendizagem através da interação entre alunos e professor.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Iniciação à Docência – PROGRAD