PROGRAMA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA EM NEUROLOGIA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

  • João Lucas Ferreira Linhares
  • Larissa Brenda Gonçalves Miná, David Elison de Lima e Silva
  • Paulo Roberto Lacerda Leal

Resumo

Trata-se de um relato de experiência de um discente do curso de medicina da Universidade Federal do Ceará - campus Sobral acerca do programa de iniciação à docência (PID) em Neurologia durante o ano de 2019. O projeto consistiu em três vertentes de ensino: a aplicação de aulas teóricas sobre temas importantes da neurologia, acompanhamento das aulas práticas com auxílio ao professor efetivo da disciplina no ensino do exame neurológico com o objetivo de otimizar o desempenho dos alunos do 8° semestre em um assunto considerado complexo pela maioria dos estudantes e simulações realísticas no laboratório de habilidades das situações mais urgentes da neurologia. As aulas teóricas apresentaram como enfoque o ensino das principais síndromes neurológicas com seus respectivos diagnósticos topográficos, como a abordagem da fraqueza muscular. As aulas práticas consistiam na prática do exame neurológico com pacientes na enfermaria Monsenhor Eufrásio às sextas pela manhã e posterior discussão dos achados neurológicos. Algumas aulas consistiram em simulações no laboratório de habilidades da faculdade de medicina da UFC – campus Sobral de situações emergenciais em neurologia com o intuito de ensinar o manejo aos estudantes, cujos assuntos foram rebaixamento do nível de consciência, estado de mal epiléptico e acidente vascular encefálico. Embora com a realização das atividades teórico-práticas, algumas dificuldades foram de encontro à plena realização da iniciação à docência, com destaque para a dificuldade em manejar o tempo disponível para os monitores exercerem tais atividades durante o período do curso com maior carga horária curricular, o internato. Todavia, mesmo com os percalços, foi possível aos discentes do PID em Neurologia adquirir uma maior habilidade nos preceitos importantes do ato de ensinar, além de maximizar o conhecimento teórico-prático na área. Portanto, pode-se considerar que os objetivos do PID na disciplina de Neurologia foram obtidos.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Iniciação à Docência – PROGRAD