RISCOS OCUPACIONAIS NA GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA - PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM NA INTRODUÇÃO À CLÍNICA ODONTOLÓGICA

  • Antonio Romilson Pires Rodrigues
  • Renato Daniel de Freitas, Thalys Gustavo Oliveira Martins, Alexandre Pontes de Mesquita, Anne Caroline Machado Ribeiro
  • Francisco Cesar Barroso Barbosa

Resumo

A prática da odontologia, assim como de outras áreas da saúde, expõe os profissionais envolvidos a riscos de diferentes naturezas. A graduação em Odontologia, além das aulas teóricas, também proporciona aos estudantes a vivencia de práticas clínicas, nas quais estes, sobre orientação de profissionais já formados, realizam procedimentos diversos. Sendo assim, o acadêmico também está exposto aos riscos inerentes a prática da Odontologia sendo essencial instruções e orientações sobre os riscos existentes bem como as medidas a serem tomadas para reduzi-los. Objetivou-se buscar as evidências publicadas em literatura científica sobre os riscos ocupacionais aos quais estão expostos os estudantes de odontologia, ressaltando a importância da disciplina de Introdução à Clínica Odontológica na preparação destes para a prática clínica. Para isso, foi feita uma busca em bases de dados diversas, usando as palavras chaves: Odontologia e Riscos ocupacionais. Os fatores de risco para a saúde dos profissionais e também estudantes, relacionados ao trabalho odontológico podem ser classificados em: agentes físicos, mecânicos, químicos, biológicos e fatores ergonômicos; nestes estão incluídos todos os demais riscos. Dentro dessa proposta, a referida disciplina atua de modo a preparar os estudantes de Odontologia para a vivência clínica, explicando cada risco específico, recomendando a adoção de medidas que minimizem os riscos, como por exemplo o uso de equipamentos de proteção individual, ensino de métodos de prevenção de acidentes, posições ergonomicamente ideais no atendimento, descarte adequado de materiais usados contaminados e/ou perfuro cortantes, assim como a conduta correta no processo de limpeza e esterilização dos instrumentais, dentre outras. Portanto, ressalta-se a necessidade que as instituições de ensino odontológico proporcionem esta capacitação e instrução adequada em relação aos riscos ocupacionais aos estudantes, previamente ao ingresso destes no ambiente clínico.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Iniciação à Docência – PROGRAD