COMUNICAÇÃO NO CONTEXTO DE ORQUESTRAS UNIVERSITÁRIAS: UM ESTUDO EXPLORATÓRIO

  • Aparecida Kátia de Sousa Ferreira
  • Henrique Pinheiro Lima
  • Adeline Annelyse Marie Stervinou

Resumo

Esta pesquisa em andamento se propõe a investigar o processo de comunicação entre o regente/professor e os músicos no contexto das orquestras universitárias, a fim de definir como este ocorre e quais ferramentas estão sendo usadas para tal. A primeira fase do trabalho trata-se de uma pesquisa bibliográfica, a fim de estabelecer e definir as áreas do conhecimento que usaremos durante a pesquisa. Este trabalho se justifica pelo fato que ao consultar os materiais tendo como tema a regência, percebemos que as literaturas se limitam, em sua grande maioria, ao conjunto de gestos padrões da regência, sem falar sobre comunicação. Outro ponto é entender como o regente se comunica com os músicos e como este conteúdo deve ser proporcionado em sua formação, já que os manuais abordam somente gestos padrões. Por isso, investigamos várias áreas: Regência com a consulta dos manuais específicos de regência orquestral tratando sobre a comunicação entre os membros desta formação; Análise do Comportamento para conceituar os processos comportamentais e delimitar os que se adaptam à regência orquestral; Comunicação verbal e não verbal para tentar explicar como uma comunicação se estabelece na orquestra sem o uso da palavra, e A comunicação dos bebês e dos animais para relacionar e entender os gestos do regente durante o ato de comunicação com os músicos. Como objeto de observação justificando essa pesquisa bibliográfica, usamos materiais em vídeo de diferentes ensaios orquestrais (orquestra universitária da Universidade Federal do Cariri (UFCA), pesquisa experimental realizada o ano anterior; Orquestra do Festival Internacional de Orquestras Jovens Eurochestries, e Orquestra Sinfônica da UFC - campus Sobral) usando esses conceitos para entender a comunicação do regente.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Docência no Ensino Superior – EIDEIA