ANÁLISE DO CONHECIMENTO DA POPULAÇÃO FEMININA DE SOBRAL ACERCA DO AUTOEXAME DE MAMA

  • Patrícia Myrla Madeiro Moreira
  • Vanessa de Oliveira Lopes, José Samuel Araújo Vasconcelos, Luis Eduardo Rodrigues Reis, Amandha Espavier Trés
  • Geison Vasconcelos Lira

Resumo

Introdução: O Núcleo de Desenvolvimento Médico de Sobral (NUDEMES) realizou uma campanha baseada na conscientização e na apuração de dados sobre o autoexame de mama em Sobral. Objetivos: Analisar o conhecimento da população feminina de Sobral acerca do autoexame das mamas, identificar a frequência com que esse procedimento é feito e onde as orientações sobre o autoexame das mamas foram repassadas às mulheres. Metodologia: Foi realizado, durante o dia 31/10/2019, na Praça São João em Sobral, uma exposição de banners e cartazes e a distribuição de panfletos, com informações acerca do câncer de mama e da realização do autoexame. Além disso, fez-se um estudo seccional, no qual foram aplicados 35 questionários às participantes. Resultados: Na amostra coletada, 91,4% das mulheres entrevistadas sabem fazer o autoexame, mas apenas 85,3% do total o executam. Além disso, observa-se que 97,1% das participantes acham importante realizar esse procedimento a cada mês e que, das mulheres que fazem autoexame, 55,2% o efetuam mensalmente. Acrescenta-se que, entre as entrevistadas que executam essa prática, 38,7% afirmam ter aprendido com campanhas, 22,6% aprenderam com um médico e o restante foram capacitadas por outros meios. Por fim, 70,6% das participantes afirmam ir ao ginecologista anualmente. Conclusão: Nota-se, portanto, que a maioria das entrevistadas possuem conhecimentos acerca do autoexame e sabem como realizar essa prática em virtude, principalmente, de campanhas. Observa-se, também, que a maioria afirma ser importante fazer esse procedimento mensalmente. Além disso, ressalta-se a não adesão completa à ida ao ginecologista, o qual é um profissional importante para a detecção precoce do câncer de mama. É válido destacar que esses dados demonstram que ainda há desconhecimento sobre as indicações atuais do autoexame pelo Ministério da Saúde. Logo, é importante a realização de campanhas baseadas nas recomendações vigentes para orientar sobre o autoexame de mama.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Extensão – PREX