AVALIAÇÃO DOS SINTOMAS PROSTÁTICOS DURANTE O EVENTO DO DIA INTERNACIONAL DO HOMEM

  • Jéssica Cavalcante Bastos Leite
  • Samuel Teixeira Rios, Maximiano Avelar Rodrigues, Maria Rosineida Paiva Rodrigues
  • João Pompeu Frota Magalhães

Resumo

O câncer de próstata é o tumor mais prevalente no homem, após o câncer de pele não melanoma. A Sociedade Brasileira de Urologia recomenda que os homens a partir de 50 anos iniciem acompanhamento com urologista e que aqueles com fatores de risco, como histórico da neoplasia na família, negros e obesos, realizem essa consulta aos 45 anos. Durante a ação do Dia Internacional do Homem realizada pela Liga de Urologia de Sobral, o International Prostate Symptom Score (IPSS) foi aplicado a 39 homens que participaram do evento na Praça da Coluna da Hora, em Sobral. Este questionário apresenta 7 perguntas e avalia o aparecimento de sintomas no último mês. As perguntas são: “Quantas vezes teve a sensação de não esvaziar completamente a bexiga após terminar de urinar?”; “Quantas vezes teve de urinar novamente em menos de 2 horas após ter urinado?”; “Quantas vezes observou que, ao urinar, parou e recomeçou várias vezes?”; “Quantas vezes observou que foi difícil conter a urina?”; “Quantas vezes observou que o jato urinário estava fraco?”; “Quantas vezes teve de fazer força para começar a urinar?”; “Quantas vezes teve de se levantar à noite para urinar?”. Cada pergunta recebe uma pontuação de 0 a 5, de acordo com a frequência dos sintomas. Se somar 0 a 7 pontos, os sintomas são considerados leves. De 8 a 19, moderados e de 20 a 35, graves. Dos entrevistados apenas 17 possuíam 50 anos ou mais, sendo que apenas 1 referiu não apresentar nenhum sintoma. Dos 16 entrevistados, 12 apresentavam sintomas leves e 4 moderados. Nenhum teve sintomas graves. Durante a conversa com os participantes foi possível observar que a maioria não realizava acompanhamento com urologista. Ainda que 94% apresentasse algum sintoma relacionado à próstata. Diante disso, pode-se observar que ainda há muito preconceito da população masculina, com relação à visita ao urologista. Isto mostra a importância de campanhas que esclareçam a população e a incentivem a cuidar melhor de sua saúde.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Extensão – PREX