EFICÁCIA DA ACUPUNTURA COMO INTERVENÇÃO INTEGRATIVA NO TRATAMENTO DA DOR ONCOLÓGICA: UMA REVISÃO DE LITERATURA

  • André Lucas Portela
  • Jessica Lorraine Gomes de Morais, Ana Caroline de Moraes Mittri, Nicodemos Traspadini de Jesus
  • Pedro Gomes Cavalcante Neto

Resumo

INTRODUÇÃO: Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a dor acomete 60 a 80 % dos pacientes com câncer, sendo 25 a 30% na ocasião do diagnóstico e 70 a 90% com doença avançada. Esses dados levaram a OMS a declarar a dor associada ao câncer uma Emergência Médica Mundial. As diretrizes da National Comprehensive Cancer Network (NCCN®) para dor de câncer em adultos recomendam a acupuntura como intervenções integrativas, em conjunto com a intervenção farmacológica, conforme necessário. Assim, este trabalho se mostra como uma importante contribuição no que tange a escolha de um esquema terapêutico para melhor tratar a dor oncológica. OBJETIVOS: Observar se de fato a acupuntura atua como um tratamento a ser prescrito para quem sofre com dor advinda de um tumor maligno. MÉTODOS: Trata-se de um estudo de caráter exploratório, baseado no método de revisão de literatura com síntese de evidências, sendo analisados 10 artigos selecionados a partir dos sites PubMed e Scielo no mês de novembro de 2019, utilizando-se os seguintes descritores combinados com o operador booleano AND e OR: (("cancer pain") AND "acupuncture") OR "chemotherapy". Os critérios de inclusão foram artigos baseados em ensaios clínicos com um tempo amostral de até 10 anos e que mostrassem alguma relação com o tema proposto, selecionando apenas aqueles de maior relevância. RESULTADOS: Todos os 10 artigos analisados relatam que a acupuntura foi uma prática terapêutica inovadora que, em números absolutos, reduziu as queixas de pacientes submetidos a tratamento oncológico. CONCLUSÃO: A acupuntura, como uma das intervenções integrativas adjuntas para dor oncológica deve ser seguida e disseminada,pois a medida que mais ensaios clínicos acerca dessa técnica estão sendo realizados espera-se um rápido crescimento do conhecimento da mesma para tratar dor oncológica, objetivando-se que esta faça parte de esquemas terapêuticos para uma melhor abordagem do paciente.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Extensão – PREX