O AUDIOVISUAL COMO FERRAMENTA DE PRODUÇÃO DE REFLEXÕES CRÍTICAS: RELATO DE EXPERIÊNCIA DOS ESTUDANTES EXTENSIONISTAS DO PROJETO DE EXTENSÃO CINEFILOS.

  • Luiz Victor Coelho Albuquerque
  • Vitor Cássio Teixeira
  • Rita Helena Sousa Ferreira Gomes

Resumo

Este trabalho tem como objetivo relatar as experiências dos estudantes extensionistas do projeto de extensão Cinefilos do curso de graduação em psicologia da Universidade Federal do Ceará – UFC – Campus Sobral. Tratando-se, portanto, de um trabalho descritivo. O Cinefilos surge, em 2007, com interesse de aproximar a universidades às comunidades de Sobral, sobretudo as mais carentes, além de propiciar espaços de diálogo e reflexão nestes territórios de acordo com suas demandas. Para isso, o Cinefilos toma a exibição de produções audiovisuais como principal ferramenta metodológica para gerar debates com o público-alvo sobre temas que se articulam com a realidade vivida dessas pessoas. Partindo das experiências vividas pelos autores na função de extensionista do projeto – tais como a preparação do encontros quinzenais de estudo teórico, o planejamento , a realização e a avaliação das atividades - e no contato com o público das ações de 2019.1 e 2019.2, buscou-se, inicialmente, sinalizar a relevância política do projeto de extensão Cinefilos frente ao contexto de instabilidade política e de desigualdade social do país, e, posteriormente, sua importância no fomento de experiências singulares e significantes na formação acadêmica e pessoal dos autores, enquanto possibilidade do exercício de intervenções a partir da escuta e da mediação, algo de extrema importância no exercício do profissional psicólogo.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Extensão – PREX