PET – SAÚDE INTERPROFISSIONALIDADE 2019/2021: RELATO DE EXPERIÊNCIA ACERCA DE UMA PRÁTICA COLABORATIVA DESENVOLVIDA NO PADRE PALHANO

  • Jamile Maria Sampaio Tabosa
  • Jacques Antonio Cavalcante Maciel, Lorena Leite Mendonça Escócio, Mihatovit Teixeira Monteiro
  • Camilla Araujo Lopes Vieira

Resumo

No campo das Políticas de Saúde, a interprofissionalidade vem sendo destaque na busca de uma atuação integrada entre equipes multiprofissionais. Logo, o Programa de Educação pelo trabalho pela Saúde, formado por estudantes de Psicologia, Odontologia, Medicina, Educação Física, Enfermagem e de tutores e preceptores com formações em Psicologia, Odontologia, Nutrição e Enfermagem, com enfoque na interprofissionalidade, busca por meio do enlaçamento de conhecimentos, construir equipes integradas na promoção à saúde e o desenvolvimento de estratégias colaborativas. Buscou-se assim, descrever a experiência com a prática de interprofissionalidade desenvolvida na atenção primária por meio de um relato de experiência e impressões sobre uma prática interprofissional no CSF Herbert de Sousa, território do Padre Palhano na cidade de Sobral, no primeiro semestre de 2019. O trabalho desenvolvido por monitores e preceptores do PET Saúde, consistiu na formação de grupos de 6 ou 7 pessoas incluindo agentes comunitários de saúde, técnicos em enfermagem e serviços gerais. Realizados semanalmente com duração em média de uma hora. Nesse espaço levavam se vivências dinâmicas que permitissem a troca de idéias: a valorização do trabalho colaborativo, conhecimento das demandas, dificuldades do grupo em relação ao trabalho e convivência. Portanto, o exercício da interprofissionalidade modifica os modos de trabalho/ensino/aprendizagem em saúde. Esta prática permitiu aos estudantes aprimorar seus conhecimentos dado à importância do trabalho em conjunto. Já os relatos dos participantes demonstraram que as vivências foram ao encontro das necessidades advindas do trabalho como o de conhecer a prática colaborativa, assim como a interprofissionalidade que se faz fundamental a promoção à saúde. Por fim, a participação no programa promove novas concepções de interprofissionalidade e colaboração, além do conhecimento sobre intervenções no intuito de promover saúde de forma integral e humanizada.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Extensão – PREX