“SETEMBRO AMARELO”: VIVÊNCIAS DE EDUCAÇÃO EM SAÚDE SOBRE A PREVENÇÃO DE SUICÍDIOS E O CUIDADO EM SAÚDE MENTAL EM PRAÇA PÚBLICA DE SOBRAL – CE

  • Nickolas Souza Silva
  • Antonio César da Silva Sousa Filho, Renata Maria Aguiar de Oliveira, Thales Diogo Albuquerque de Souza
  • Niedja Maruccy Gurgel da Cruz Grangeiro

Resumo

INTRODUÇÃO: Setembro é dedicado ao combate do autoextermínio (AE) e à melhoria da qualidade da saúde mental (SM) da população. Apesar de ser relembrado por vezes somente nesse mês, tem ajudado a expor o problema de saúde pública em torno do AE e do esfacelamento da SM das pessoas. No Brasil, as taxas de AE relativas a 2017 são de 12495 casos; no Ceará são de 317; e, em Sobral são de 16. É importante discutir sobre saúde mental visando reduzir tais taxas. OBJETIVO: Relatar experiência de vivências em ação de educação em saúde sobre cuidado de SM e prevenção de AE. MÉTODOS: Relato de experiência de caráter descritivo-analítico. O local de ação escolhido foi uma praça pública em Sobral, sendo convidados participantes interdisciplinares e interinstitucionais para agregar conhecimentos ao evento. Durante o evento foi realizada abordagem individual e coletiva para falar sobre AE no Brasil, no Ceará e em Sobral, sendo levantadas questões-chave para abordagem da temática proposta. RESULTADOS E DISCUSSÃO: A ação foi feita trabalhando questões sobre definição de SM, fatores prejudiciais, momento correto de procurar auxílio especializado, motivos que confluem para o AE, e, que fazer quando estiver frente a uma tentativa de AE. A conversa obtida com cada grupo de discussão foi satisfatória, havendo intenso envolvimento dos participantes com indagações e relatos de experiências reais. Nesses grupos foi ressaltada a importância do debate contínuo sobre SM e do uso do Centro de Valorização da Vida. Considera-se que ações que se voltam para a educação em saúde cumprem com o significado da extensão universitária. CONCLUSÃO: A ação de debate sobre SM e prevenção de AE foi efetiva no que tange à transmissão de conhecimento científico, em linguagem simples, para a população leiga. É esperado que a partir dessa ação e de ações futuras incuta-se na população a necessidade de debater sobre SM, para que assim haja melhoria nas taxas de AE, esperado por ações de extensão universitária.
Publicado
2019-01-01
Seção
Encontro de Extensão – PREX