DIÁLOGOS EM PSICOLOGIA: DIFUSÃO DE PRÁTICAS PSICOTERÁPICAS COMO FORMA DE INCLUSÃO SOCIAL

  • Adryssa Bringel Dutra Universidade Federal do Ceará
  • Jurema Barros Dantas Universidade Federal do Ceará
Palavras-chave: Clínica psicológica. Inclusão social. Psicologia.

Resumo

Mantendo-­se permanentemente sensível às necessidades por parte dos discentes de aprofundamento e apropriação do saber/fazer psicológico, o projeto Diálogos em Psicologia tem o intuito de oferecer um espaço de crescimento e aprimoramento intelectual, de ampliação de conhecimentos teóricos e práticos, no que concerne à clínica psicológica, contextualizados às realidades sociais, não apenas para o meio acadêmico, mas, sobretudo, para a comunidade em geral. A relevância do projeto se justifica na necessária consideração de que, muitas vezes, a comunidade acadêmica não tem a oportunidade de participar de eventos devido aos altos preços e, por isso, explicita­se a necessidade de exercício do projeto como forma de inclusão social. O projeto possui periodicidade bimestral, sendo norteado por uma temática central, advinda de pesquisas desenvolvidas ao longo do ano. A partir das discussões e, consequentemente, de reflexões acerca dos conteúdos articulados, o projeto viabiliza uma difusão das práticas psicoterápicas de maneira sistemática.

Biografia do Autor

Adryssa Bringel Dutra, Universidade Federal do Ceará
Graduanda em Psicologia pela Universidade Federal do Ceará.
Jurema Barros Dantas, Universidade Federal do Ceará
Doutora pelo Programa de Pós Graduação em Psicologia Social na área de História Social, Imaginário e Cultura pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro. Professora Adjunta do Departamento de Psicologia da Universidade Federal do Ceará. Coordenadora do Laboratório de Estudos em Psicoterapia, Fenomenologia e Sociedade (LAPFES/UFC). 
Publicado
2015-12-30
Seção
Relatos de Experiências Extensionistas