METODOLOGIAS DE INVESTIGAÇÃO-AÇÃO EM PSICOLOGIA AMBIENTAL

  • Lúcia Maria Gonçalves Siebra Universidade Federal do Ceará - UFC
  • Zulmira Áurea Cruz Bomfim Universidade Federal do Ceará - UFC
  • Lígia Cristina Azevedo Sousa Universidade Federal do Ceará - UFC
  • Marília Franco Oliveira Universidade Federal do Ceará - UFC
  • Marina Rocha Soares Universidade Federal do Ceará - UFC

Resumo

A Psicologia Ambiental estuda a inter-relação entre o indivíduo e seu entorno. Nesse trabalho, apresentam-se as principais metodologias de investigação e intervenção utilizadas por alunos e professores do Laboratório de Pesquisa em Psicologia Ambiental (LOCUS) o qual abriga o projeto de extensão “Metodologias de Investigação - Ação no Campo da Psicologia Ambiental (MIA)”. Destacam-se três metodologias que se consolidaram ao longo de sua história: trilhas socioambientais, oficinas de intervenção psicossocial e mapas afetivos (BOMFIM, 2003).  Espera-se que as experiências compartilhadas neste artigo possam servir de inspiração para reprodução, aperfeiçoamento ou mesmo criação de novas formas de investigar e intervir no meio social.

Palavras-Chave: Trilhas socioambientais. Oficinas psicossociais. Mapas afetivos.

Publicado
2015-06-30
Seção
Artigos Originais