Análise Mineralógica e Petrográfica de Material Lítico do Acervo do Museu Amazônico (UFAM)

  • Wagner Santos de Souza
  • Raimundo Humberto Cavalcante Lima
Palavras-chave: geoarqueologia, lítico, sítio arqueológico, mineralogia

Resumo

A geoarqueologia é uma ciência que integra o conhecimento da arqueologia e da geologia, buscando aprimorar a investigação da história do homem primitivo e entender como este utilizava dos recursos naturais e do meio em que habitava. Hoje, o estudo das cerâmicas e da terra preta arqueológica já são bem desenvolvidos. Entretanto, ainda há uma carência de detalhes quanto às propriedades mineralógicas na análise dos utensílios líticos catalogados dos sítios arqueológicos e na identificação da área fonte destes utensílios. Nos sítios arqueológicos descritos no Amazonas, este material provém de fragmentos de rochas como arenitos, granitos, crostas lateríticas, e ainda de minerais como o quartzo e calcedônia. O objetivo deste trabalho foi descrever e caracterizar amostras líticas do acervo do Museu Amazônico da UFAM, coletadas em sítios no Amazonas. Foram utilizadas 19 amostras que representassem o acervo quanto à variedade de classes (núcleos, lascas, etc) e de litologia apresentada. Primeiramente, fez-se a descrição macroscópica de todas as amostras e, depois, 11 amostras foram analisadas pelo método de DRX e 6 por lâmina delgada e microscopia. Como resultado, obteve-se que a maioria das rochas correspondem a arenitos maciços com boa maturidade mineralógica e textural, e que estas rochas propiciam a fabricação de ferramentas mais desenvolvidas. Viu-se também que ocorre com frequência a utilização de crostas lateríticas como matéria-prima e, mais raramente, utensílios confeccionados a partir de rochas cristalinas. Assim, foi possível perceber que há uma correlação entre as características físicas e químicas das rochas e a fabricação das peças, e ainda que a maturidade física, é uma das propriedades mais relevantes para produção dos artefatos. Portanto, concluiu-se que é de suma importância a relação entre estas ciências, onde a geologia contribui com o fornecimento de subsídios para o desenvolvimento de novos estudos a respeito da descrição e caracterização mineralógica dos artefatos líticos.

Publicado
2020-04-30