Passagens - Ida

  • Beatriz Furtado Universidade Federal do Ceará
  • Marcelo Dídimo Universidade Federal do Ceará
  • Riverson Rios Universidade Federal do Ceará

Resumo

Em 2009, o Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal do Ceará organizou o I EIIC (Encontro Internacional de Imagem Contemporânea), coordenado pela Profa. Beatriz Furtado. O evento contou com a presença de pesquisadores, teóricos e realizadores de grande influência no Brasil e no exterior. Os trabalhos apresentados foram organizados em duas publicações que refletem o espírito do evento.Concomitantemente, a organização do evento pensou e elaborou uma apresentação de trabalhos (artigos) que pudesse atender a demanda dos participantes que estavam presentes. O resultado foi um seminário de altíssimo nível com trabalhos de excelente qualidade.Desde então, temos tentado organizar uma publicação desses artigos, sem resultados concretos. Felizmente, essa possibilidade se tornou probabilidade. A Revista Passagens – do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da UFC – abriu as portas para as pessoas que participaram desse tão conceituado evento. E a premiação foi dupla, com direito a dois trechos: Ida e Volta.A Linha de Pesquisa do Programa que organizou o Encontro é “Fotografia e Audiovisual”. No entanto, a temática abordada durante o evento foi plural e interdisciplinar e, por isso, acreditamos que devemos considerar a multiplicidade de temáticas.Partindo dessa ideia, a intenção é que o trecho de Ida nos leve a pontos diferentes e divergentes, em que o diálogo relacionado a imagem contemporânea se faz presente de forma contundente e consistente. Nesse trecho de Ida, a viagem não é geográfica, mas temática: o diálogo da imagem contemporânea com as diversas artes.As imagens do nazismo trazem à tona um assunto tão delicado quanto estético e politico. Os parangolés eletrônicos nos fazem refletir sobre a atual produção do que se chama de estética do silício. A dança ressignifica o audiovisual através do corpo, em que a estética fantasmagórica se faz presente. Chegamos ao psicológico da mobilidade humana, invadimos a imaginação infantil e, finalmente, passamos pela praça, até chegarmos em casa.Eis a “Passagens” de Ida. Boa viagem!!!
Beatriz Furtado, Marcelo Dídimo e Riverson Rios.

Biografia do Autor

Beatriz Furtado, Universidade Federal do Ceará
Beatriz Furtado - realizou pós-doutorado em Cinema e Arte Contemporanea pela Universidade Paris III- Sorbonne-Nouvelle. É doutora em Sociologia, pela UFC, com bolsa-estágio, da Capes, junto ao doutorado em Filosofia, da Universidade de Lisboa, Portugal, com tese intitulada "Imagens que Resistem - O Intensivo no cinema de Aleksander Sokurov". Mestre em Comunicação, pela Universidade Autônoma de Barcelona-UAB, Espanha, com dissertação intitulada "Imagens Eletrônicas e Paisagem Urbana". Graduada em Comunicação pela Universidade Federal do Ceará. É professora do Mestrado em Comunicação, na area de Cinema e Audiovisual, e da Graduação em Cinema e Audiovisual, do Instituto de Cultura e Arte, da Universidade Federal do Ceará, da área do Audiovisual. É da coordenação do LEEA-Laboratório de Estudos e Experimentação em Audiovisual- grupo de pesquisa sobre cinema e imagem contemporânea. É autora dos livros "Imagens Eletrônicas e Paisagem Urbana" (Relume-Dumará) e "Cidade Anônima" (Hedra). Organizou os dois volumes do livro "Imagem Contemporanea" (Hedra, 2009) e, junto com Daniel Lins,o livro "Fazendo Rizoma"(Hedra, 2008). Realizou os vídeos "Catadores", "Cidade Anônima", "Passeio", "Caixa Escura para fazer Imagens de Som ", "Extermínio" e "Um Leito Suave para meu Pai". Curadora da exposição "Cinema de Pequenos Gestos (des)narrativos" (2011).
Marcelo Dídimo, Universidade Federal do Ceará
Marcelo Dídimo possui Graduação (1997) em Informática pela Universidade de Fortaleza, Mestrado (2001) e Doutorado (2007) em Multimeios / Área Cinema pela Universidade Estadual de Campinas, onde pesquisou O Cangaço no Cinema Brasileiro, livro de sua autoria que foi publicado em 2010. Atualmente é Professor Adjunto do Curso de Graduação em Cinema e Audiovisual e do Programa de Pós-Graduação em Comunicação do Instituto de Cultura e Arte da Universidade Federal do Ceará. Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Cinema, atuando principalmente nos seguintes temas: cinema, cinema brasileiro, análise cinematográfica, direção e roteiro.
Riverson Rios, Universidade Federal do Ceará
Possui graduação em Processamento de Dados pela Universidade Federal do Ceará (1983), mestrado em Informática pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1989) e Ph D In Computer Science pela University of Ottawa-Canadá (1998). Atualmente é professor associado do Curso de Comunicação Social da Universidade Federal do Ceará. Suas principais áreas de interesse incluem Processamento Gráfico, multimídia, aprendizagem automática, fotografia digital, cultura midiática e software livre.
Publicado
2012-07-15
Como Citar
Furtado, B., Dídimo, M., & Rios, R. (2012). Passagens - Ida. Passagens, 3(1). Recuperado de http://www.periodicos.ufc.br/passagens/article/view/1142
Seção
Editorial

Artigos do(s) mesmo(s) autor(es) mais lidos