Novas tecnologias e cidadania: a internet como fator de politização ou de adequação das comunidades excluídas ao sistema produtivo?

  • Márcia Vidal Nunes Universidade Federal do Ceará
Palavras-chave: Cidadania, internet, participação.

Resumo

O objetivo central do trabalho é identificar como os projetos de inclusão social realizados pela ONG VIVA RIO, através do portal VivaFavela, e a ONG Centro de Defesa da Vida Herbert de Souza – CDVHS, através de seu site, estão contribuindo para o exercício da cidadania em comunidades periféricas. A internet vem sendo usada como fator de politização ou de adequação das comunidades excluídas ao sistema produtivo? Quais as semelhanças e diferenças dos projetos desenvolvidos por essas duas Organizações Não Governamentais, a VIVA RIO, na periferia do Rio de Janeiro, e o CDVHS, na periferia de Fortaleza? Práticas políticas coletivas nos projetos comunitários vêm sendo substituídas por alternativas individuais de ascensão social e conseqüente inclusão no sistema produtivo?

Biografia do Autor

Márcia Vidal Nunes, Universidade Federal do Ceará
Professora do curso de Comunicação Social da Universidade Federal do Ceará, ministrando as disciplinas Jornalismo Comunitário (habilitação em Jornalismo) e Comunicação Comparada (habilitação em Publicidade). Mestrado e Doutorado em Sociologia pelo Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFC e pós-doutora em Comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da USP.
Publicado
2011-07-18
Como Citar
Nunes, M. V. (2011). Novas tecnologias e cidadania: a internet como fator de politização ou de adequação das comunidades excluídas ao sistema produtivo?. Passagens, 2(1). Recuperado de http://www.periodicos.ufc.br/passagens/article/view/1154
Seção
Artigos

Artigos do(s) mesmo(s) autor(es) mais lidos