Liderança do educador e empoderamento do educando como instrumentalização no construto ético-moral-social sob a ótica freiriana

  • Eduardo Martins de Arruda Universidade Federal da Paraíba
  • Hugo Medeiros Souto Universidade Federal da Paraíba
  • Wilson Honorato Aragão Universidade Federal da Paraíba
Palavras-chave: Educação, Liderança, Empoderamento, Práxis freiriana

Resumo

Liderança e empoderamento são temas amplamente discutidos em contextos organizacionais. Porém, quando se parte para aplicação desses conceitos no contexto pedagógico, mais precisamente nas relações educador-educando, relevam-se campos ainda incipientes, carentes de estudos e pesquisas científicas. Pensando na importância dos temas na pedagogia e apoiado na vida e obra de Paulo Freire, este estudo tem como objetivo compreender as relações interpessoais presentes em meios educacionais e como podem ser aperfeiçoadas e inspiradas por princípios presentes em seu legado, como amor ao próximo, justiça, liberdade, humildade, pensamento crítico e ética. Para tanto, utilizou-se como método a revisão teórica de conceitos como liderança, empoderamento, educação e pedagogia com base no estudo da obra freiriana. Pudemos compreender que a escola não mais se configura como único ou sequer como o local principal onde ocorrem as manifestações de ensino-aprendizagem. Consequentemente, o papel de educador não mais se concentra no professor de sala de aula. Da análise mais apurada das relações de liderança e empoderamento entre educador e educando, se obteve como resultado que a responsabilidade na construção de uma sociedade mais humanista e igualitária compete a cada indivíduo que se encontra no papel de educador, viabilizando aos educandos o desenvolvimento de uma leitura de mundo crítica e instrumentalizada, baseada em princípios freirianos e da consciência da própria realidade, tornando-o capaz de transformá-la.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

CHIAVENATO, Idalberto. Administração: – teoria, processo e prática. 3ª edição. São Paulo: Pearson education do Brasil, 2000.

COVEY, S. Liderança baseada em princípios. São Paulo: Cutrix, 1998.

DESSEN, M. C.; PAZ, M. G. T. Bem-estar pessoal nas organizações: o impacto de configurações de poder e características de personalidade. Psic.: Teor. e Pesq., Brasília, v. 26, n. 3, p. 549-556, jul/set, 2010.

FIORI, E. M. Aprender a dizer a sua palavra. In: Freire, P. Pedagogia do Oprimido. 22. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1993.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. Série Ecumenismo e Humanismo, v. 5. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1969.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia. São Paulo: Paz e Terra, 1997.
FREIRE, Paulo. Pedagogia da esperança. São Paulo: Paz e Terra, 1994.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 17. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

FREIRE, Paulo; SHOR, Ira. Medo e Ousadia: o cotidiano do professor. 3. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1986.

GADOTTI, M. et. Al. (org). Paulo Freire: uma biobibliografia. São Paulo: Cortez, UNESCO e Fundação Paulo Freire, 1995.

GARDNER, H. Mentes que lideram: uma anatomia da liderança. Porto Alegre: Artes Médicas, 1996.

JACOBS, T. O. Leadership and exchange in formal organizations. Alexandria, VA: Human Research Organization, 1970.

WILSON, Sybil E. A educação abre as portas para um mundo melhor. Educação. Porto Alegre, v. 34, n. 2, p. 241-251, mai./ago. 2011.

ZITKOSKI, Jaime José. Paulo Freire & a Educação. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2010.
Publicado
2019-11-03
Como Citar
ARRUDA, E. M. DE; SOUTO, H. M.; ARAGÃO, W. H. Liderança do educador e empoderamento do educando como instrumentalização no construto ético-moral-social sob a ótica freiriana . Informação em Pauta, v. 4, n. especial 2, p. 176-191, 3 nov. 2019.

Artigos do(s) mesmo(s) autor(es) mais lidos