ENSINO MÉDIO INTEGRADO: acirrar contradições e abrir brechas

Autores

  • Rose Márcia da Silva Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ
  • Ivonei Andrioni Universidade Federal do Mato Grosso - UFMT
  • Ilma Ferreira Machado Universidade do Estado de Mato Grosso - UFMT

DOI:

https://doi.org/10.29148/labor.v2i18.33506

Palavras-chave:

Ensino Médio Integrado, Resistência, Contrarreformas,

Resumo

Neste artigo propomo-nos a discutir sobre as disputas, concepções e práticas conformatórias ou de resistência que permeiam a relação trabalho e educação no Brasil, tendo como pano de fundo as “contrarreformas” atuais. O objetivo é problematizar como a escola tem se apresentado como terreno complexo e contraditório, ora sendo subestimada na sua importância em relação à experiência concreta do trabalho como princípio educativo, ora sendo superestimada como formadora de profissionais para o mercado de trabalho. A modalidade de Educação Profissional Integrada ao Ensino Médio (EPIEM), também denominada de Ensino Médio Integrado (EMI), é apresentada como materialidade e como resistência às contrarreformas.

Abstract

In this article we propose to discuss the disputes, conceptions and conformist or resistance practices that permeate the relation work and education in Brazil, having as background the current "counter-reforms". The objective is to problematize how the school has presented itself as a complex and contradictory terrain, sometimes being underestimated in its importance in relation to the concrete experience of work as an educational principle, sometimes being overestimated as a professional trainer for the labor market. The modality of Integrated Professional Education to High School, also denominated Integrated Secondary Education, is presented as materiality and as resistance to the counter-reforms.

Biografia do Autor

Rose Márcia da Silva, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ

Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas e Formação Humana da Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Ivonei Andrioni, Universidade Federal do Mato Grosso - UFMT

Doutorando no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Mato Grosso

Ilma Ferreira Machado, Universidade do Estado de Mato Grosso - UFMT

Professora Adjunta do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Estado de Mato Grosso.

Referências

ALGEBAILE, Eveline. Escola sem Partido: o que é, como age, para que serve. In: FRIGOTTO, Gaudêncio (Org.). Escola “sem” partido: esfinge que ameaça a educação e a sociedade brasileira. Rio de Janeiro: UERJ, LPP, 2017b.

ANDRIONI, Ivonei. Educação Profissional Integrada ao Ensino Médio no/do Campo em Mato Grosso: limites e possibilidades. Dissertação em Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade do Estado de Mato Grosso, Cáceres/MT: 2016.

_________. Educação Profissional Integrada ao Ensino Médio: concepções e categorias fundantes. In: ARAUJO, Adilson C.; SILVA, Claudio N. N. Ensino médio integrado no Brasil: fundamentos, práticas e desafios. Brasília: Ed. IFB, 2017.

ARROYO. Miguel G. Outros sujeitos, outras pedagogias. 2 ed. Vozes: Petrópolis, RJ, 2014.

BOURDIEU, Pierre. Os excluídos do interior. In: NOGUEIRA, Maria A.; CATANI, Afranio. (Orgs.) Escritos de educação. Petrópolis: Vozes, 2002.

_________. Parecer CNE/CEB nº 11/2012. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional Técnica de Nível Médio. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil]. Seção 1. Brasília, de 9 de setembro de 2012. 98 p.

CIAVATTA, Maria; RAMOS, Marise N. Ensino Médio Integrado. In: CALDART, Roseli S.; PEREIRA, Isabel B.; ALENTEJANO, Paulo; FRIGOTTO, Gaudêncio (Org.). Dicionário da Educação do Campo. Rio de Janeiro, São Paulo: Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, Expressão Popular, 2012.

DALMAGRO, Sandra L. A escola no contexto das lutas do MST. Tese de Doutorado em Educação. Florianópolis, UFSC, 2010. 244 p.

FERREIRA, Eliza B.; SILVA, Mônica R. Centralidade do ensino Médio no contexto da nova “ordem e progresso”. Educ. Soc., Campinas, v. 38, nº. 139, p. 287-292, abr.-jun., 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73302017000200287.

FERRETI, Celso J.; SILVA, Mônica R. Reforma do ensino médio no contexto da Medida Provisória nº 746/2016: Estado, currículo disputa por hegemonia. Educ. Soc. Campinas, v. 38, nº 139, p. 385 – 404, abr. – jun., 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0101-73302017000200385&script=sci_abstract&tlng=pt.

FREITAS, Luiz C. Crítica da organização do trabalho pedagógico e da didática. 11. ed. Campinas: Papirus, 2012.

_________. Crítica da Organização do Trabalho Pedagógico. Papirus: Campinas, SP, 1995.

FRIGOTTO, Gaudêncio. Concepções e mudanças no mundo do trabalho e o ensino médio. In: FRIGOTTO, G Gaudêncio; CIAVATTA, Maria; RAMOS, Marise N. (Orgs). Ensino Médio Integrado: Concepções e Contradições. São Paulo: Cortez, 2005.

_________. A dupla face do trabalho: criação e destruição da vida. In: FRIGOTTO, Gaudêncio; CIAVATTA, Maria (Org.). A experiência do trabalho e a educação básica. Rio de Janeiro: DP&A, 2005a.

_________. A gênese das teses do Escola sem Partido: Esfinge e ovo da serpente que ameaça a sociedade e a educação. In: FRIGOTTO, Gaudêncio (Org). Escola “Sem” Partido: Esfinge que ameaça a educação e a sociedade brasileira. LPP/UERJ: Rio de Janeiro, 2017.

FRIGOTTO, Gaudêncio; CIAVATTA, Maria; RAMOS, Marise N. A gênese do Decreto n. 5.154/2004: um debate no contexto controverso da democracia restrita. In: FRIGOTTO, Gaudêncio; CIAVATTA, Maria; RAMOS, Marise N. (Orgs). Ensino Médio Integrado: Concepções e Contradições. São Paulo: Cortez, 2005.

FRIGOTTO, Gaudêncio; CIAVATTA, Maria; RAMOS, Marise N. O trabalho como princípio educativo no projeto de educação integral de trabalhadores - excertos. Disponível em: <http://www.pb.iffarroupilha.edu.br/site/midias/arquivos/201179171745208frigotto_ciavatta_ramos_o_trabalho_como_principio_educativo.pdf>. Acesso em: 21 out. 2017.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do Cáceres. Vol. 2. Tradução Carlos Nelson Coutinho, 6 ed. Rio de Janeiro, Civilização Brasileira, 2011.

KUENZER, Acácia Z. O ensino médio no plano nacional de educação 2011 – 2020: Superando a década perdida? Educ. Soc., Campinas, v. 31, n. 112, p. 851 – 873, Jul. – Set. 2010. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0101-73302010000300011&script=sci_abstract&tlng=pt.

MACHADO, Lucília R. S. Educação e divisão social do trabalho: contribuição para o estudo do ensino técnico industrial brasileiro. 2. Ed. São Paulo: Autores Associados: Cortez, 1989.

MANACORDA, Mario A. Marx e a pedagogia moderna. São Paulo: Cortez: Autores Associados, 1991.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrisch. A ideologia Alemã. [Introdução de Jacob Gorender]; trad. Luis Claudio de Castro e Costa. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

_________. Textos sobre educação e ensino. Trad. Rubens Eduardo Frias. São Paulo: Centauro, 2004.

MÉSZÁROS, István. A Educação para além do capital. São Paulo: Boitempo, 2008.

MOURA, Dante H; LIMA FILHO, Domingos L.; SILVA, Mônica R. Politecnia e Formação Integrada: Confrontos conceituais, projetos políticos e contradições históricas da educação brasileira. Revista Brasileira de Educação. v. 20, n. 63, out. dez. 2015. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-24782015000401057&script=sci_abstract&tlng=pt.

PISTRAK, Moisey M. Fundamentos da escola do trabalho. Tradução – Daniel Arão Reis Filho, 6ª reimpressão, Expressão Popular: São Paulo, 2008.

RAMOS, Marise N. Ensino Médio Integrado: lutas históricas e resistências em repôs de regressão. In: ARAUJO, Adilson C.; SILVA, Claudio N. N. Ensino médio integrado no Brasil: fundamentos, práticas e desafios. Brasília: Ed. IFB, 2017.

SAVIANI, Dermeval. Sobre a concepção de politecnia. Rio de Janeiro: FIOCRUZ. Politécnico da Saúde Joaquim Venâncio, 1989.

SILVA. Rose M. Efetivação do Currículo Integrado no Curso Técnico em Agropecuária Integrado ao Ensino Médio do IFMT - Campus Sorriso. Dissertação em Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT), Cáceres/MT, 2016.

_________. Currículo Integrado: uma proposta em construção. In: ARAUJO, Adilson C.; SILVA, Claudio N. N. Ensino médio integrado no Brasil: fundamentos, práticas e desafios. Brasília: Ed. IFB, 2017.

SHULGIN. Viktor N. Rumo ao Politecnismo. 1 ed. São Paulo, Editora Expressão Popular, 2013.

Downloads

Publicado

2018-08-28

Como Citar

SILVA, Rose Márcia da; ANDRIONI, Ivonei; MACHADO, Ilma Ferreira. ENSINO MÉDIO INTEGRADO: acirrar contradições e abrir brechas. Revista Labor, [S. l.], v. 2, n. 18, p. 78–92, 2018. DOI: 10.29148/labor.v2i18.33506. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/labor/article/view/33506. Acesso em: 18 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

<< < 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.