Por uma dimensão intercultural na aula de língua estrangeira:

aprendendo português com as lendas amazônicas

Autores

  • Samuel Figueira-Cardoso University of Warsaw

DOI:

https://doi.org/10.29148/labor.v1i25.60676

Palavras-chave:

Ensino de segunda língua, unidade de ensino, educação intercultural

Resumo

Este artigo é o resultado de um estudo na área da didática de Português Língua Estrangeira em contexto de imersão. Descreve-se uma experiência didática realizada num curso específico de língua para alunos adultos em Portugal. Construiu-se um plano de ação centrado nas lendas amazônicas como elemento estruturador de unidades didáticas orientadas para o ensino-aprendizagem intercultural, recorrendo aos estudos sobre as sequências didáticas e interculturalidade na aula de língua estrangeira. O conhecimento das lendas despertou o interesse dos alunos participantes deste estudo pela expressão oral, permitindo-lhes compreender e encontrar na língua-cultura que aprendem pontos comuns de compreensão da língua materna, e ao mesmo tempo deu a conhecer uma porção cultural e linguística do português brasileiro.

Biografia do Autor

Samuel Figueira-Cardoso, University of Warsaw

Doutorando em Linguística na Escola Doutoral de Humanidades da Universidade de Varsóvia. Docente no Curso de Licenciatura e no Curso de Mestrado em Letras – Estudos Brasileiros, do Instituto de Estudos Ibéricos e Ibero-americanos da mesma universidade.

Orcid: https://orcid.org/0000-0003-0680-458X

Referências

ALMEIDA, J. D., ELLISON, M., ANIDO, M. P., LORENZO, M. B., HURST, N., SANTOS, P., NICOLÁS, P., TOMÉ, S., RODRIGUES, S. V. Projetos de investigação-ação: orientações gerais para a elaboração do relatório de estágio em ensino de Português e de Língua Estrangeira. Porto: Faculdade de Letras da Universidade do Porto, 2016.
BAKHTIN, M. M. Marxismo e filosofia da linguagem: problemas fundamentais do método sociológico na ciência da linguagem. São Paulo: Hucitec, 2006.
BAUMAN, Z. Ensaios sobre o conceito de cultura. Rio de Janeiro: Zahar, 2012.
BATISTA, A. A. G. Aula de Português: discurso e saberes escolares. Martins Fontes, 1997.
BHATIA, V. K. Genre analysis today. Revue belge de philologie et d'histoire. Tome 75 fasc. 3, 1997. Langues et littératures modernes - Moderne taal- en letterkunde. 629-652. Disponível em http://www.persee.fr/web/revues/home/prescript/article/rbph_0035-0818 Acesso em 14 jul. 2020. DOI: 10.3406/rbph.1997.4186
BYRAM, M. Cultural studies in foreign language education. Clevedon: Multilingual Matters Ltd. 1989.
BYRAM, M., GRIBKOVA, B. e STARKEY, H. Developing the intercultural dimension in language teaching. A practical introduction for teachers. Strasbourg: Council of Europe Publishing/European Centre for Modern Languages. Disponível em: <de http://lrc.cornell.edu/director/intercultural.pdf > Acesso em: 10 dez. 2019.
COELHO, M. C. P. As narrações da cultura indígena da Amazônia: lendas e histórias. Tese doutoral em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2003.
CONSELHO DA EUROPA Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas - aprendizagem, ensino, avaliação. Coleção Perspectivas Atuais/Educação. Porto: Edições Asa. 2001.
DOLZ, J.; NOVERRAZ, M.; SCHNEUWLY, B. Sequências didáticas para o oral e a escrita: apresentação de um procedimento. In Schneuwly, B.; Dolz, J. (Orgs.). Gêneros orais e escritos na escola (Rojo, R., Cordeiro, G. S. Trad.). Campinas: Mercado de Letras, 2004.
DOLZ, J; SCHNEUWLY, B. Pour um enseignement de l’oral. Initiation au genres formel à l’école. Paris: ESF éditeur. 1998.
KRAMSCH, C. Culture in foreign language teaching. Iranian Journal of Language Teaching Research. 1(1) 57-78. 2013. Disponível em: https://eric.ed.gov/?id=EJ1127430 Acesso em: 08 jun. 2020.
KRAMSCH, C. Language and culture. Oxford: Oxford University Press, 1998.
OUTEIRINHO, M. D. F. A perspectiva comparatista no ensino duma cultura estrangeira: reflexões sobre uma abordagem intercultural. Bizarro, R. Ed., Como abordar… a escola e a diversidade cultural: multiculturalismo, interculturalismo e educação (pp. 172-177). Porto: Areal Editores, 2006.
PAIS, A. Fundamentos didatológicos e técnico-didáticos de desenho de didáticas para a área de Língua Portuguesa. Castelo Branco: Instituto Politécnico de Castelo Branco, 2010. Disponível em http://repositorio.ipcb.pt/bitstream/10400.11/1072/1/Artigo_UD.pdf Acesso em: 10 jun. 2020.
PATRICIO TATO, M. S. (2014). Competencia intercultural en la enseñanza de lenguas extranjeras. Porta Linguarum: revista internacional de didáctica de las lenguas extranjeras, n. 21, 215-226. 2014. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=4582315 Acesso em: 14 jul. 2020.
TEIXEIRA, A. P. G. A. O desenvolvimento da competência comunicativa intercultural na aula de PLE: representações e práticas (inter) culturais: Um estudo de caso. Tese doutoral em Ciências da Linguagem – Didática das Línguas. Universidade do Porto, Porto, 2013.

Downloads

Publicado

2021-05-02

Como Citar

FIGUEIRA-CARDOSO, Samuel. Por uma dimensão intercultural na aula de língua estrangeira: : aprendendo português com as lendas amazônicas. Revista Labor, [S. l.], v. 1, n. 25, p. 457–474, 2021. DOI: 10.29148/labor.v1i25.60676. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/labor/article/view/60676. Acesso em: 16 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.