O TRABALHO NA CONTEMPORANEIDADE: ANÁLISE DAS IMPLICAÇÕES SUBJETIVAS EM UM AGENTE AUTÔNOMO DA BOLSA DE VALORES

Autores

  • Ana Raquel Martins Diógenes Holanda
  • Lais Oliveira Leite
  • Mariana Alves de Oliveira
  • Rebecca Holanda Arrais
  • Cássio Adriano Braz Aquino

DOI:

https://doi.org/10.29148/labor.v1i11.6621

Resumo

O trabalho tem papel central para a compreensão do homem como ser social. Portanto, mudanças nas suas configurações alteram a forma de socialização do homem e seus modos de ser, o que torna fundamental analisar suas repercussões nos processos de subjetivação. A emergência do neoliberalismo e do capitalismo financeiro provocam uma ruptura no modo como o trabalho vinha produzindo os processos de identidade. Neste texto pretende-se compreender como as tais transformações emergem no discurso de um trabalhador cuja atividade é típica da sociedade contemporânea, um agente autônomo de investimentos – ou corretor da bolsa de valores. O estudo de caso deu-se por meio de entrevista semiestruturada. Observou-se o aumento do individualismo, e da responsabilização do indivíduo por tudo o que possibilita o trabalho e advém dele; o esmaecimento das fronteiras entre a vida profissional e pessoal; a permanência da alienação do trabalhador em relação ao fruto de sua atividade; a mobilização que o trabalho realiza sobre as características do indivíduo, fazendo com que a construção da identidade ocorra em torno de sua ocupação. Não se defende uma nostalgia da sociedade salarial, mas destaca-se a multiplicidade de produções subjetivas que derivam da lógica laboral cada vez mais difusa e vulnerável.

Downloads

Publicado

2017-03-16

Como Citar

HOLANDA, Ana Raquel Martins Diógenes; LEITE, Lais Oliveira; OLIVEIRA, Mariana Alves de; ARRAIS, Rebecca Holanda; AQUINO, Cássio Adriano Braz. O TRABALHO NA CONTEMPORANEIDADE: ANÁLISE DAS IMPLICAÇÕES SUBJETIVAS EM UM AGENTE AUTÔNOMO DA BOLSA DE VALORES. Revista Labor, [S. l.], v. 1, n. 11, p. 40–57, 2017. DOI: 10.29148/labor.v1i11.6621. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/labor/article/view/6621. Acesso em: 17 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)