EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NA ORDEM DO CAPITAL EM PARNAÍBA/PI: APRENDENDO A SER TRABALHADOR NA SOCIEDADE DO (DES) EMPREGO

Autores

  • Tânia Serra Azul Machado Bezerra
  • Cloris Violeta Alves Lopes
  • Maria Luzirene Oliveira do Nascimento

DOI:

https://doi.org/10.29148/labor.v1i8.6694

Resumo

Este estudo é resultado de pesquisa realizada no Grupo de Estudos Marxistas Piauiense, tem como lócus a formação da juventude direcionada à Educação Profissional e a relação desta última com a inserção no mercado de trabalho em Parnaíba-PI. Durante a investigação, propomos uma análise sobre a formação destinada aos jovens da classe trabalhadora e a sua inserção no mundo do trabalho. Nesta perspectiva, compreendemos a juventude enquanto segmento social e histórico ao tempo que indagamos sobre a influência social/econômica/política e ideológica das relações capitalistas na formação desta instância. Nossas reflexões nutriram-se de observações, entrevistas/questionários e leituras de fontes primárias coletadas no Centro de Educação Profissionalizante – CEEP, em Parnaíba/PI. Ressaltamos a importância do debate sobre as metamorfoses no mundo do trabalho contemporâneo e a problemática da empregabilidade para a compreensão da relação entre mercado de trabalho e educação no CEEP. Refletimos ainda sobre a dualidade existente entre ensino técnico e educação integral, como causa da divisão entre trabalho manual e trabalho intelectual.

Biografia do Autor

Tânia Serra Azul Machado Bezerra

Professora Adjunta da Universidade Federal do Piauí- UFPI/Parnaíba. Doutora em Educação Brasileira.

Cloris Violeta Alves Lopes

Professora Assistente da Universidade Federal do Piauí/Parnaíba. Mestre em Educação Brasileira.

Maria Luzirene Oliveira do Nascimento

Concludente do Curso de Pedagogia da Universidade Federal do Piauí-UFPI/Parnaíba.

Downloads

Publicado

2017-03-25

Como Citar

BEZERRA, Tânia Serra Azul Machado; LOPES, Cloris Violeta Alves; NASCIMENTO, Maria Luzirene Oliveira do. EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NA ORDEM DO CAPITAL EM PARNAÍBA/PI: APRENDENDO A SER TRABALHADOR NA SOCIEDADE DO (DES) EMPREGO. Revista Labor, [S. l.], v. 1, n. 8, p. 3–20, 2017. DOI: 10.29148/labor.v1i8.6694. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/labor/article/view/6694. Acesso em: 26 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos