CAPITALISMO, ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO E TECNOLOGIA DA PRODUÇÃO E SEUS IMPACTOS NA QUALIFICAÇÃO DA FORÇA DE TRABALHO

Autores

  • Jean Mari Felizardo

DOI:

https://doi.org/10.29148/labor.v1i3.9286

Resumo

Este artigo aborda um estudo teórico sobre capitalismo, organização do trabalho e tecnologia da produção e seus impactos na qualificação da força de trabalho. Para tanto, a metodologia utilizada foi de caráter exploratório, efetuando uma revisão de literatura sobre os temas e um confronto teórico entre as possibilidades compreensivas dos processos históricos. Constatou-se como considerações que há uma relação entre avanço tecnológico industrial (automação e robótica) e qualificação (conhecimentos técnicos específicos) para o posto de trabalho e que estão estritamente ligadas à dinâmica do gerenciamento e controle pelo capital.

Biografia do Autor

Jean Mari Felizardo

Doutor em Educação (UFC). Mestre em Tecnologia (UTFPR). Especialista em Logística Empresarial (PUCPR). Bacharel em Administração (UP). Coordenador e Professor no curso de Administração, Logística e de Marketing da Faculdade Estácio Radial de Curitiba.

Downloads

Publicado

2017-03-25

Como Citar

FELIZARDO, Jean Mari. CAPITALISMO, ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO E TECNOLOGIA DA PRODUÇÃO E SEUS IMPACTOS NA QUALIFICAÇÃO DA FORÇA DE TRABALHO. Revista Labor, [S. l.], v. 1, n. 3, p. 1–27, 2017. DOI: 10.29148/labor.v1i3.9286. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/labor/article/view/9286. Acesso em: 25 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)