CONSTRUÇÃO DE IDENTIDADES PROFISSIONAIS: DA FORMAÇÃO PROFISSIONAL À VIVÊNCIA DA INSERÇÃO NO MERCADO DE TRABALHO

Autores

  • Patricia Whebber Souza de Oliveira

DOI:

https://doi.org/10.29148/labor.v1i6.9306

Resumo

Este artigo trata do processo de construção de identidades profissionais no contexto da formação profissional à inserção no mercado de trabalho. Teve como base uma pesquisa qualitativa realizada numa instituição de formação profissional, com a participação de alunos e professores, cujo objetivo foi compreender os processos de socialização e construção de tipos identitários na trajetória de formação profissional à vivência de inserção no mercado de trabalho. Com o enfoque etnográfico e etnometodológico, buscou-se compreender a trajetória escolar e profissional (do início do curso à inserção no mercado de trabalho) através da observação-participante, entrevistas, questionários e análise documental. Como suporte teórico destacou-se as contribuições de Dubar (1997, 1998), com seu estudo de configurações identitárias. Os resultados demonstraram que os cursos contribuíram para construção de tipos identitários, principalmente da identidade para o trabalho. Esta, por sua vez, quando da vivência de trabalho, foi reconstruída em duas, nova identidade de empresa e nova identidade de oficio. Os tipos identitários encontrados se distinguiram em identidade em formação (trajetória escolar) e identidade em exercício (trajetória profissional).

Biografia do Autor

Patricia Whebber Souza de Oliveira

Graduada em Psicologia pela UFRN (1988) e em Administração pela UnP (2010), Mestra em Administração pela UFRN (1997) e Doutora em Educação pela UFRN (2003). Professora do Mestrado Profissional em Administração - Universidade Potiguar – UnP.

Downloads

Publicado

2017-03-25

Como Citar

OLIVEIRA, Patricia Whebber Souza de. CONSTRUÇÃO DE IDENTIDADES PROFISSIONAIS: DA FORMAÇÃO PROFISSIONAL À VIVÊNCIA DA INSERÇÃO NO MERCADO DE TRABALHO. Revista Labor, [S. l.], v. 1, n. 6, p. 115–133, 2017. DOI: 10.29148/labor.v1i6.9306. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/labor/article/view/9306. Acesso em: 18 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos