Estética da periferia

os signos da arte urbana

  • Fátima Aparecida dos Santos Universidade de Brasília
  • Taís Universidade de Brasília

Resumo

Neste artigo será abordada a estética da periferia nas cidades brasileiras a partir de considerações sobre as configurações do espaço social, material e imaterial, que submerge relações de classe, raça e gênero. Essas molduras contemporâneas provocam tensionamentos e hibridismos nos processos de organização do meio urbano, como também, geram questionamentos sobre a institucionalização de elementos culturais, como exemplo, ligados as múltiplas linguagens artísticas que se desenvolvem mediados por instâncias tradicionais e hegemônicas. As narrativas visuais que acompanham as nuances e as movimentações das cidades são signos relevantes para se interpretar e traçar observações sobre as fronteiras e dicotomias, entre centro e periferia, cidadão e forasteiro, calcadas por discursos plurais e relações de poder, tais dípticos são pontuados a luz dos fundamentos da Semiótica da Cultura de Iuri Lotman.  Propõe-se a análise da estética da periferia, a partir das reverberações da Arte Urbana, do qual consideramos arranjos e escrituras de coletividades e subjetividades. Nesse viés, acompanhamos leituras semióticas de pesquisadores brasileiros e latino-americanos (NAKAGAWA R. M. O e NAKAGAWA F. S., 2020; RUSSI, 2017; SANTOS, 2017 e SEGATO, 2005) sobre o espaço habitado na cidade, como também, uma literatura interdisciplinar de autores e artistas do Sul Global que nos auxilia para compreendermos os sistemas de signos marginalizados sob um prisma amplo e global, entrelaçado a uma perspectiva localizada, horizontalizada e demarcada por um território epistemológico autorreferenciado.

Palavras-chave: Cidade. Estética da Periferia. Arte Urbana. Semiótica.                                                                                                                       

Biografia do Autor

Fátima Aparecida dos Santos, Universidade de Brasília

Doutora em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP, professora associada do Instituto de Arte da Universidade de Brasília, membro permanente do PPGDesign e PPG Artes Visuais/UnB.

Taís, Universidade de Brasília

Doutoranda em Artes Visuais (Ida- UnB) na linha de pesquisa Imagens, Visualidades e Urbanidades (IVU), Mestra em Artes Visuais (IdA-UnB), linha de pesquisa Imagens, visualidades e urbanidades (IVU) e bacharela em Teoria Crítica e História da Arte (IdA - UnB).

Publicado
2022-02-16
Como Citar
Santos, F. A. dos, & Almeida, T. A. de. (2022). Estética da periferia. Passagens, 12(2), 31-51. Recuperado de http://www.periodicos.ufc.br/passagens/article/view/71077
Seção
Dossiê Semiótica e Culturas da Comunicação

Artigos do(s) mesmo(s) autor(es) mais lidos