Memória discursiva mobilizada em gêneros verbo-visuais

análise do discurso francesa em memes da page Historical Footage Made in Brazil

  • Gilmar da Silva Montargil Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  • Maria de Lourdes Rossi Remenche Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)

Resumo

O ciberespaço e o processo de convergência das mídias, segundo Jenkins (2011), propiciou a potencialização e a criação de gêneros multimodais com novas discursividades. Nesse contexto, temos como objetivo investigar de que forma se constitui a relação interdiscursiva entre a escrita e a verbo-visualidade nos memes e quais efeitos de sentido produzem. Para tanto, partimos da inscrição teórica da Análise do Discurso de Linha Francesa (ADF) baseada em Michel Pêcheux (1995, 1997, 1999), considerando conceitos que possibilitam discutir a relação dos sujeitos, os memes e a sociedade em rede: memória discursiva, interdiscurso, posição de sujeito, efeitos de sentido, formação discursiva. Por meio de uma abordagem qualitativo-interpretativista, recortamos cinco publicações de memes da página Historical Footage Made In Brazil correspondentes aos cinco primeiros meses de 2018. Os resultados da análise revelam que os memes produzem efeitos de sentido humorísticos, a partir de rupturas e deslizamentos de sentidos, ao articular texto-legenda de fotos antigas com imagens e figuras representativas de situações da atualidade que, quando são hibridizadas no fotomeme, passam a conotar significados e a possibilitar outras leituras a partir de uma tessitura de mudanças e sincretismos.

Biografia do Autor

Gilmar da Silva Montargil, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Mestre em Estudos de Linguagem pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (PPGEL/UTFPR) e mestrando em Comunicação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGCOM/UFRGS). Bolsista Capes, membro do Núcleo de Pesquisa Corporalidades do Grupo de Pesquisa em Semiótica e Culturas da Comunicação (GPESC) ORCID: https://orcid.org/0000-0001-6490-4437 

Maria de Lourdes Rossi Remenche, Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)

Pós-doutora em Ciências da Educação pela Universidade do Minho (UM/PT) e Doutora em Linguística pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH/USP). Professora Associada do Departamento Acadêmico de Linguagem e Comunicação da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e coordenadora do Grupo de Pesquisa em Linguística Aplicada (GRUPLA). ORCID: https://orcid.org/0000-0003-3283-9890

Publicado
2022-02-16
Como Citar
Montargil, G. da S., & Remenche, M. de L. R. (2022). Memória discursiva mobilizada em gêneros verbo-visuais. Passagens, 12(2), 6-30. Recuperado de http://www.periodicos.ufc.br/passagens/article/view/72193
Seção
Dossiê Semiótica e Culturas da Comunicação