Prevalência e fatores associados à ocorrência de dor musculoesquelética em agentes socioeducadores

  • Patrícia Bittencourt Toscani Greco Universidade Federal de Santa Maria
  • Tânia Solange Bosi de Souza Magnago Universidade Federal de Santa Maria
  • Emanuelli Mancio Ferreira da Luz Universidade Federal de Santa Maria
  • Juliana Dal Ongaro Universidade Federal de Santa Maria
  • Bruna Pereira Chagas Universidade Federal de Santa Maria
  • Angela Isabel dos Santos Dullius Universidade Federal de Santa Maria
Keywords: Trabalho, Saúde do Trabalhador, Condições de Trabalho, Dor Musculoesquelética.

Abstract

Objetivo: verificar a prevalência e os fatores associados à ocorrência de dor musculoesquelética em agentes socioeducadores. Métodos: estudo transversal, com 381 agentes socioeducadores, utilizando-se formulário contendo dados sociodemográficos e laborais, sobre os hábitos e a saúde, além de avaliação de dor musculoesquelética. Os dados foram analisados por estatística descritiva e analítica, com níveis de significância de 5%.Resultados: os agentes socioeducadores são predominantemente do sexo feminino (55,8%) e com idade média de 44,4 anos (±8,17). A pontuação média de intensidade de dor foi de 5,03 (±3,12); 43,0% relataram dor fraca/moderada e 39,9% com dor forte/insuportável.Conclusão: a prevalência de dor musculoesquelética foi de 82,9%. Os fatores associados foram estar afastado do trabalho até 24 dias, estar em acompanhamento psicológico e ter menos de 8 horas diárias de sono.

Author Biographies

Patrícia Bittencourt Toscani Greco, Universidade Federal de Santa Maria
Doutoranda em Enfermagem pela UFSM. Mestre em Enfermagem.
Tânia Solange Bosi de Souza Magnago, Universidade Federal de Santa Maria
Doutora em Enfermagem. Professora da Universidade Federal de Santa Maria.
Emanuelli Mancio Ferreira da Luz, Universidade Federal de Santa Maria
Mestre em Enfermagem.
Juliana Dal Ongaro, Universidade Federal de Santa Maria
Acadêmica de Graduação em Enfermagem pela Universidade Federal de Santa Maria.
Bruna Pereira Chagas, Universidade Federal de Santa Maria
Enfermeira.
Angela Isabel dos Santos Dullius, Universidade Federal de Santa Maria
Professor Adjunto da Universidade Federal de Santa Maria, vinculada ao Departamento de Estatística.
Published
2017-06-13
Section
Research Article