Com palavras não sei dizer: ressignificando o cuidado através da música em pós-operatório cardiopediátrico

  • Odemir Pires Cardoso Júnior Faculdade Maurício de Nassau - Campus Natal
  • Mara Marúsia Martins Sampaio Campos MATERNIDADE ESCOLA ASSIS CHATEAUBRIAND (MEAC)/UFC
  • Mônica Cordeiro Ximenes de Oliveira Escola de Saúde Pública do Ceará - ESP/CE
  • Maria Tereza Aguiar Pessoa Morano Hospital de Messejana - Dr. Carlos Alberto Studart Gomes
  • Maria Valdelede Uchoa Morais Araújo Unichristus - Centro Universitário Christus
  • Kelen Yamille dos Santos Chaves MATERNIDADE ESCOLA ASSIS CHATEAUBRIAND (MEAC)/UFC
Keywords: Unidades de Terapia Intensiva Pediátrica, Cardiopatias, Cirurgia Torácica, Música.

Abstract

Objetivo: compreender as ressignificações que a música promove no cuidado às crianças em pós-operatório cardíaco. Métodos: pesquisa qualitativa com profissionais da equipe multiprofissional de saúde por meio de entrevista semiestruturada baseada no método de Análise de Conteúdo. Resultados: os profissionais perceberam a Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica como cenário suscetível de deterioração na qualidade da assistência. Ademais, consideraram que o uso da música, como terapêutica integrativa e complementar, fomentou a produção de sentidos na atenção à saúde, mostrando-se capaz de proporcionar relaxamento, distração, bem-estar, recordações agradáveis e conforto aos profissionais e às crianças internadas. Conclusão: a música contribuiu para a ressignificação do cuidado otimizando a humanização e reestruturando os processos de promoção de saúde. A experiência proporcionou reflexões, habilidades, expressão emocional, sensações e sentimentos como relaxamento, distração e bem-estar na equipe multiprofissional. O cuidado à criança foi ampliado, aliando o arsenal tecnológico à preocupação com o conforto e estado emocional.

Author Biographies

Odemir Pires Cardoso Júnior, Faculdade Maurício de Nassau - Campus Natal
Odemir Pires Cardoso Júnior Fisioterapeuta - CREFITO: 159264-F Especialista em Cardiopneumologia/Modalidade Residência Integrada em Saúde/ESP-CE Especialista em Saúde da Família/Modalidade Residência Multiprofissional/Escola de Formação em Saúde da Família Visconde de Sabóia/Universidade Estadual Vale do Acaraú-Sobral/CE Especialista em Terapia Intensiva/ESP-CE Preceptor em Terapia Intensiva/Faculdade Maurício de Nassau-RN
Mara Marúsia Martins Sampaio Campos, MATERNIDADE ESCOLA ASSIS CHATEAUBRIAND (MEAC)/UFC
FISIOTERAPEUTA DA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA NEONATAL DA MATERNIDADE ESCOLA ASSIS CHATEAUBRIAND (MEAC)/UFC, ESPECIALISTA EM DESENVOLVIMENTO INFANTIL – UFC, MESTRE EM SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE- UECE.
Maria Tereza Aguiar Pessoa Morano, Hospital de Messejana - Dr. Carlos Alberto Studart Gomes
FISIOTERAPEUTA, DOUTORA EM CIRÚRGIA PELA UFC, Coordenadora do serviço de reabilitação pulmonar, Coordenadora da Residencia Multiprofissional no paciente critico cardiopulmonar do hospital de messejana - Dr. Carlos Alberto Studart Gomes
Published
2017-11-21
Section
Article