Perfil de trabalhadores de enfermagem acompanhados por equipe multiprofissional de saúde mental

  • Gleide Santos de Araújo
  • Aline Santos Sampaio
  • Edna Moreira dos Santos
  • Suely Maia Galvão Barreto
  • Nilton José Vitório Almeida
  • Maria Luiza Dias dos Santos
Keywords: Enfermagem, Saúde Mental, Saúde do Trabalhador

Abstract

Objetivou-se identificar o perfil de trabalhadores de enfermagem de uma universidade federal acompanhados pela equipe multiprofissional de saúde mental. Estudo quantitativo, com 385 prontuários de trabalhadores atendidos no serviço médico da universidade pela equipe de saúde mental entre julho de 2009 e dezembro de 2010. Foram calculadas as médias, qui-quadrado e nível de significância de 5% (p<0,05). Observou-se que trabalhadores de enfermagem possuíam em média menor idade (47,5±9,7), mais afastamentos (5,15±3,29) e permaneciam mais dias afastados (191,8±168,5) em comparação aos de outras categorias, respectivamente (53,7±12,7), (2,18±2,8) e (138±163). A maioria possuía diagnóstico de transtornos afetivo e de humor (65%) e indicação médica para uso de medicação controlada (96,8%), diferença estatisticamente significante em relação aos demais. Apesar de mais jovens, trabalhadores de enfermagem afastaram-se por mais tempo, em maior frequência e apresentaram mais problemas de saúde mental.

Published
2014-06-16
Section
Research Article