Busca ativa de sintomáticos respiratórios e o diagnóstico tardio da tuberculose

  • Patrícia Geórgia Oliveira Diniz Pinheiro
  • Lenilde Duarte de Sá
  • Pedro Fredemir Palha
  • Fabiana Barbosa Assumpção de Souza
  • Jordana de Almeida Nogueira
  • Tereza Cristina Scatena Villa
Keywords: Tuberculose Pulmonar, Atenção Primária à Saúde, Gestão em Saúde.

Abstract

Objetivou-se analisar a discursividade de gestores sobre as ações de busca ativa de sintomáticos respiratórios e a relação com o diagnóstico tardio de tuberculose. Pesquisa qualitativa com material empírico construído por meio de entrevistas com 16 apoiadores matriciais, em município da região metropolitana de João Pessoa - PB. Análise feita conforme a técnica de Análise de Discurso, linha francesa. Os resultados revelaram: há contradições entre a proposta do plano municipal de saúde e o discurso dos gestores no que tange às ações de controle da tuberculose; os gestores não conhecem o verdadeiro significado da busca ativa, o que contribui para que aconteça uma busca passiva de casos novos; não há planejamento de ações voltadas para a identificação de sintomáticos respiratórios. Conclui-se que as evidências concorrem para o diagnóstico tardio da doença e que há a necessidade de qualificar os gestores para melhor compreensão do controle da doença.
Published
2012-06-22
Section
Research Article