O DISCURSO ORAL DO ROMANCEIRO

Autores

  • Maria de Fátima Barbosa de Mesquita Batista

Resumo

Este trabalho examina um corpus constituído de romances tradicionais orais por nós levantados na Paraíba e em Pernambuco, em cuja análise utilizamos, como modelo teórico a proposta de Chafe sobre oralidade e escrita, contida, especificamente, no trabalho Integration and Involvement in Speaking, writing and Oral Literature (1982) onde o autor analisa a linguagem de rituais dos índios iroqueses, corpus bastante semelhante ao nosso, uma vez que se trata de uma forma de Literatura Oral. Palavras chave: Romanceiro; Oralidade; Escrita

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

MESQUITA BATISTA, Maria de Fátima Barbosa de. O DISCURSO ORAL DO ROMANCEIRO. Revista de Letras, [S. l.], v. 1, n. 27, 2016. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/revletras/article/view/2295. Acesso em: 20 jul. 2024.