POLÍTICAS DE EDUCAÇÃO E SAÚDE FRENTE ÀS METAMORFOSES DO SISTEMA CAPITALISTA PARA EXPANSÃO NEOLIBERAL.

Autores

  • Vanessa Gomes da Silva

DOI:

https://doi.org/10.29148/labor.v1i3.9290

Resumo

O texto faz um resgate histórico e organiza elementos que compõem as ciências sociais para entender a realidade. Desde a crítica da economia política desenvolvida por Marx no século XIX, até a atualidade nos anos dois mil, com a política neoliberal e as metamorfoses do sistema capitalista para uma continuidade na extração de mais valia com uma nova roupagem. Esta atualização do arcaico é a condição fundamental para a expansão neoliberal, pois, agrega novos pressupostos como: flexibilidade e cooperação social. A discussão provoca alternativas de superação e aponta a necessidade de um movimento na educação e na saúde que busque a reflexão e a crítica, para organizar diretrizes que permitam a emancipação do cidadão.

Biografia do Autor

Vanessa Gomes da Silva

Mestranda da FIOCRUZ, Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (2010), Especialização em Educação Profissional em Saúde – EPSJV (2009), Atividade atual - Categoria Enfermagem no Ministério Ciência e Tecnologia (INCA / RJ) e Docente na área de enfermagem em nível médio.

Downloads

Publicado

2017-03-25

Como Citar

SILVA, Vanessa Gomes da. POLÍTICAS DE EDUCAÇÃO E SAÚDE FRENTE ÀS METAMORFOSES DO SISTEMA CAPITALISTA PARA EXPANSÃO NEOLIBERAL. Revista Labor, [S. l.], v. 1, n. 3, p. 69–81, 2017. DOI: 10.29148/labor.v1i3.9290. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/labor/article/view/9290. Acesso em: 25 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos