Estado da arte sobre o sistema socioeducativo brasileiro em teses e dissertações de Psicologia

  • Roberta Gracyelle de Lima Ferreira Cunha Universidade Federal de Pernambuco
  • Jaileila de Araújo Menezes Universidade Federal de Pernambuco

Resumo

Este artigo consiste no Estudo do Estado da Arte sobre o Sistema Socioeducativo Brasileiro em teses e dissertações produzidas no período entre 2008 e 2017 e que foram identificadas no Banco Digital de Teses e Dissertações (BDTD). Buscamos nesse levantamento localizar e discutir quais temas e aportes teóricos e metodológicos vêm sendo privilegiados nessas produções acadêmicas. Percebemos que o Sistema Socioeducativo é problematizado nas teses e dissertações a partir de uma visão crítica que ressalta a grande discrepância entre o que é preconizado nas legislações que regulamentam tal Sistema e o que, de fato, é praticado na operacionalização das medidas socioeducativas. Essas problematizações são articuladas ao processo histórico no qual tais medidas foram construídas, tendo em vista sua importância para a compreensão dos discursos e campos de forças que vêm prevalecendo no contexto socioeducativo. As produções valorizaram métodos qualitativos em suas pesquisas e buscaram trabalhar com as diversas fontes de informação envolvidas no Sistema Socioeducativo, ou seja, os jovens, os profissionais que atuam no Sistema, as famílias bem como referenciais documentais e bibliográficas relevantes sobre essa temática.

Palavras-chave: Sistema Socioeducativo; psicologia; estado da arte

Publicado
2019-07-01
Como Citar
de Lima Ferreira Cunha, R. G., & de Araújo Menezes, J. (2019). Estado da arte sobre o sistema socioeducativo brasileiro em teses e dissertações de Psicologia. Revista De Psicologia, 10(2), 159 - 167. Recuperado de http://www.periodicos.ufc.br/psicologiaufc/article/view/31239