Repercussões do câncer infantil no cotidiano do familiar cuidador

  • Eduarda Gayoso Meira Suassuna de Medeiros
  • Rosana Farias Batista Leite
  • Déborah Karollyne Ribeiro Ramos
  • Layze Amanda Leal Almeida
Keywords: Neoplasias, Criança, Saúde da Criança, Família, Cuidadores

Abstract

Objetivou-se investigar as repercussões causadas pelo câncer infantil no cotidiano de familiares de crianças neoplasicamente enfermas. Trata-se de um estudo de campo de abordagem qualitativa e enfoque exploratório-descritivo, tendo a entrevista semiestruturada como instrumento de coleta de informações. O estudo foi desenvolvido no Hospital Universitário e no Instituto Paraibano de Combate ao Câncer, ambos localizados em Campina Grande, PB, Brasil, entre os meses de julho e setembro de 2012. O material empírico foi analisado seguindo proposta da análise de conteúdo. Encontram-se como resultados o abalo à qualidade de vida social, sintomas psicológicos e crescimento pessoal. Conclui-se que o câncer infantil trouxe repercussões negativas no cotidiano do familiar cuidador. No entanto, observou-se que é possível construir boas experiências do convívio com a criança enferma e encará-lo como uma oportunidade de crescimento pessoal.
Published
2014-06-16
Section
Research Article