Avaliação laboratorial de potenciais doadores de órgãos e tecidos para transplantes

  • Quinidia Lúcia Duarte de Almeida Quithé de Vasconcelos
  • Izaura Luzia Silvério Freire
  • Rhayssa de Oliveira e Araújo
  • Gabriela de Sousa Martins Melo
  • Isabelle Katherinne Fernandes Costa
  • Gilson de Vasconcelos Torres
Keywords: Enfermagem, Obtenção de Tecidos e Órgãos, Doadores de Tecidos, Transplantes, Morte Encefálica.

Abstract

Objetivou-se descrever a avaliação laboratorial e complementar em Potenciais Doadores de órgãos e tecidos para transplantes. Estudo descritivo, quantitativo, realizado em seis hospitais de Natal/Rio Grande do Norte, Brasil, entre agosto/2010 e fevereiro/2011. A amostra constituiu-se de 65 potenciais doadores e como instrumento utilizou-se uma lista de verificação. As informações foram coletadas e analisadas por estatística descritiva. Do total, 89,2% realizaram a tipagem sanguínea, 80,0% testes hematológicos e verificação dos eletrólitos, cada. Quanto às funções, 70,8% realizaram exames para a verificação da função pulmonar, 80,0% para a função renal. Das alterações detectadas, 69,2% apresentaram hiperóxia, 66,2% leucocitose, 47,7% hipernatremia, 43,1% elevação na creatina fosfoquinase, 10,0% com sorologia positiva. Exames importantes não foram realizados. É fundamental avaliar potenciais doadores para detectar e tratar alterações, garantindo a qualidade dos órgãos e realização do transplante.

Published
2014-06-16
Section
Research Article