Ensino de Sociologia no Brasil (1993-2015): Um Estado da Arte na Pós-Graduação

Cristiano das Neves Bodart, Marcelo Pinheiro Cigales

Resumo


Este artigo busca atualizar o “Estado da Arte” sobre o Ensino de Sociologia na Pós-graduação brasileira. A metodologia se deu através de um levantamento no site “Banco de Teses Capes” e em “repositórios” e “base de teses e dissertações” de diversas Instituições Superiores de Ensino, através das palavras-chave “Ensino de Sociologia”, “Sociologia no Ensino” e “Sociologia na Escola”. Dentre os resultados, destaca-se que: i) há um crescimento contínuo de dissertações e teses sobre a temática após o ano de 2008; ii) as produções ainda estão centralizadas nas Regiões Sul e Sudeste; iii) há uma ampliação de trabalhos defendidos em Programas de Pós-Graduação em Ciências Sociais, o que equilibra a produção da temática, antes com hegemonia nos Programas de Pós-graduação em Educação e; iv) temáticas como formação de professores e livro didático, começam a surgir nos trabalhos mais recente.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista de Ciências Sociais



Revista de Ciências Sociais, fundada em 1970. Periódico indexado em LatindexDiadorim, Sumários.org e REDIB.  E-ISSN 2318-4620

Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal do Ceará
Av. da Universidade, 2995 — Benfica 
Fortaleza, CE — CEP 60020-181 
rcs@ufc.br