Primeiros socorros na escola: treinamento de professores e funcionários

  • Lucas Felix Calandrim Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas
  • Adriana Breves dos Santos Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas- UNICAMP – São Paulo – Brasil.
  • Lais Rodrigues de Oliveira Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas
  • Luciana Gonçalves Massaro Hospital de Clínicas da Universidade Estadual de Campinas
  • Cleuza Aparecida Vedovato Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas
  • Ana Paula Boaventura Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas
Keywords: Primeiros Socorros, Emergências, Saúde Escolar, Educação em Saúde, Promoção da Saúde.

Abstract

Objetivo: avaliar o conhecimento de professores e funcionários após um treinamento de primeiros socorros.Métodos: trata-se de um quase experimento do tipo pré e pós-teste, para 35 funcionários e professores deuma escola, avaliados com a utilização de instrumentos validados, quanto ao conhecimento e a habilidade emduas etapas, antes e após um curso/treinamento. Resultados: participaram 97,1% (34) profissionais do sexo feminino, 42,8% (15) afirmaram já terem recebido algum treinamento e 71,4% (25) já presenciaram uma emergência. Verificou-se antes do treinamento uma pontuação média de 19,43 pontos referentes a habilidade e 2,91 pontos no conhecimento e após 174,57 pontos na habilidade e 9,17 no conhecimento, diferença estatisticamente significativa pelo Teste de Postos Sinalizados de Wilcoxon (p<0,001). Conclusão: o treinamento é efetivo, com aumento significativo da porcentagem de acertos após o treinamento em primeiros socorros no ambiente escolar.

Author Biographies

Lucas Felix Calandrim, Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas
Discente do curso de Graduação em Enfermagem da Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas- UNICAMP – São Paulo – Brasil.
Adriana Breves dos Santos, Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas- UNICAMP – São Paulo – Brasil.
Discente do curso de Graduação em Enfermagem da Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas- UNICAMP – São Paulo – Brasil.
Lais Rodrigues de Oliveira, Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas
Discente do curso de Graduação em Enfermagem da Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP – São Paulo – Brasil
Luciana Gonçalves Massaro, Hospital de Clínicas da Universidade Estadual de Campinas
Enfermeira do Hospital de Clínicas da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP – São Paulo – Brasil.
Cleuza Aparecida Vedovato, Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas
Enfermeira da Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP – São Paulo – Brasil
Ana Paula Boaventura, Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas
Professor Doutor Coordenador da Área de Enfermagem Médico-Cirúrgica da Faculdade de Enfermagem da Universidade Estadual de Campinas
Published
2017-08-21
Section
Article