Diagnósticos de enfermagem embasados na teoria do autocuidado em pessoas com deficiência visual

  • Ellen Lucy Vale de Souza
  • Gisele Nogueira de Moura
  • Jennara Candido do Nascimento
  • Maria Alzete de Lima
  • Lorita Marlena Freitag Pagliuca
  • Joselany Áfio Caetano
Keywords: Autocuidado, Pessoas com Deficiência Visual, Diagnóstico de Enfermagem.

Abstract

O estudo objetivou descrever os diagnósticos de enfermagem a partir da identificação dos déficits de autocuidado de pessoas com deficiência visual, usando como referencial a Teoria do Déficit de Autocuidado de Orem. Estudo de caso desenvolvido com quatro pessoas com deficiência visual, mediante entrevista semiestruturada, baseado na Teoria do Déficit do Autocuidado, e com identificação dos diagnósticos de enfermagem segundo a taxonomia da NANDA-I. Os diagnósticos de enfermagem identificados foram: interação social prejudicada; déficit no autocuidado; controle ineficaz do regime terapêutico; risco de síndrome do estresse por mudança; disfunção sexual; e mobilidade física prejudicada. Conclui-se que o grupo apresentou um grau considerável de limitação na capacidade de realização do autocuidado. Ressalta-se, porém, que o grupo possui potencial para desenvolver habilidades necessárias para a execução segura de suas atividades de vida diária, o que representa um campo fértil para as ações de enfermagem.
Published
2012-06-22
Section
Research Article